RIM fazendo de tudo para perder mais mercado que a Nokia

Hoje já é o terceiro dia de silêncio nos serviços BIS (BlackBerry Internet Service) e BlackBerry Messenger, que estão fora do ar em várias partes do mundo desde segunda-feira.

E o pior, o vice-presidente de software e serviços da RIM, Rory O’Neil, tem más notícias para quem esperava uma solução rápida para os problemas. As tentativas da empresa para corrigir o problema fracassaram, e o problema parece estar se espalhando para os usuários do BlackBerry Enterprise Server (BES).

“Consertamos os componentes e recarregamos o serviço BlackBerry durante a noite e, infelizmente, quando o serviço voltou, nesta manhã, esses componentes não responderam da maneira que esperávamos”, admitiu O’Neil ao site V3.co.uk hoje. “O problema central está na forma de como os nossos data centers falam uns com os outros no nosso backbone, e temos tentado várias soluções para corrigir os problemas nos nossos core switches e é nisso que estamos trabalhando.”

Agora pela manhã, a expressão “Dear BlackBerry” (Prezada BlackBerry) entrou nos Trending Topics Mundiais do Twitter e, se buscarmos só por Blackberry, veremos que tem muitíssima gente querendo pular fora do barco e comprar um Android ou um iPhone (vi mais gente falando de iPhone).

Há uma hora atrás, no twitter oficial da empresa, @BlackBerry, eles pediram desculpas e postaram um link com algumas informações sobre a queda dos serviços BlackBerry. O endereço é o seguinte: http://www.rim.com/newsroom/service-update.shtml

No mesmo perfil do twitter eles confirmaram o fato, divulgado anteriormente, sobre o problema com os core switches da rede BlackBerry. Parece que algo muito sério aconteceu mesmo no backbone deles.

A RIM que já estava sangrando nos EUA por causa do Android e do iPhone, agora parece que vai sangrar ainda mais lá e no mundo inteiro por causa dos problemas de instabilidade na sua rede. O pior é que tudo começou nas regiões onde ela estava com a participação de mercado mais estável.

Acionistas pedem a RIM que seja vendida. Será o fim do Blackberry?

O grupo canadense Jaguar publicou uma carta aberta pedindo a RIM que arrume a casa para ser vendida. Como o Jaguar é um dos importantes acionistas, parece ser o fim da linha para a fabricante de Blackberry.

A carta é dura e aponta as principais falhas: incapacidade de se modernizar, falhas na governança corporativa e perda de mercado. Diz também que perderam dinheiro demais.

Depois da Nokia agora parece ser a vez da RIM. Dizem as más línguas que a Oracle está interessada em comprar.

http://www.jaguarfinancial.ca/press_releases/JFC%20PR%20Sep%206-11.pdf


20110927-121118.jpg

>

Boatos da venda da Nokia vêm com força total

As ações da Motorola se valorizaram 56.4% hoje. Até aí nada de novo. O Google está pagando um ágio de cerca de 60% no valor de mercado de sexta-feira da Motorola.

O que é novidade é a hipervalorização das ações da Nokia. Até começar escrever este texto estavam valorizadas em 12,69%!

O que quer dizer isto? Quer dizer que há fortíssimos boatos de que a empresa finlandesa vai passar a ter um novo dono em breve. E este dono, com 99,9% de probabilidade, vai ser aquele que é conhecido como William Gates III.

Melhor a Nokia ser sucursal da Microsoft que desaparecer (a RIM que perdeu 55,95% este ano que o diga)

O barco do Blackberry vai afundando

Meu primeiro post neste fantástico blog tinha o seguinte título: “Só vão sobrar três“. Foi um post muito comentado, apanhei mais que mulher de malandro (é uma figura de linguagem, feministas por favor não me processem), diziam que estava tomado de um espírito diabólico pois previa algo que não agradava aos leitores.

Eis que vejo muitas das minhas profecias prosperarem, podem ver os arquivos do blog, e decidi fazer uma retificação na profecia original dos sistemas operacionais que vão morrer.

Quando escrevi aquele texto em agosto de 2010 a situação do Android era muito ruim: loja em frangalhos, fragmentação absurda, plataforma de desenvolvimento ruim, etc. Também naquela altura a RIM parecia que dominava o nicho business. De uns tempos para cá, venho aconselhando meus clientes que comem ovo frito na Cinelândia (eu parei de comer) que tirem suas fichas da RIM.

Olhando as ações da RIM você tem uma noção do que acontece:

 

Ações da RIM: você perde 2 dólares para cada três que investiu

 

Portanto a profecia fica agora assim: sobrevivem iOS, WP7 e Android.

Puxa, mas você acha o Android bom? Não! O Android tem uma interface mais feia que bater na mãe por causa de comida, tem ainda uma enorme fragmentação, sua loja é tão infestada de vírus como um rapidshare, seu ambiente de desenvolvimento ainda é uma piada de péssimo gosto e a velocidade em que pululam porcarias chinesas com Android dentro é algo de fazer-nos ficar de cabelo em pé.

No entanto, o Android tem volume. Vai ser low end, mas vai sobreviver. Puxa e o Galaxy S? O Galaxy S é high end mas quem tem dinheiro para comprar ele estaria muito mais bem servido comprando um IPhone.

Já o BlackBerry, que tem seu nicho de mercado no mundo corporativo, vê sua fatia de mercado ir sendo comida por sistemas mais modernos, que oferecem tudo o que o Blackberry tem (menos aquela fonte horrível que eles desenvolveram BB Sans) e com isso o valor das ações da RIM vai derretendo. Com o valor de mercado hoje de 14B de dólares a RIM pode ser comprada com dinheiro de pinga da Microsoft ou da Apple.

 

Não vale a pena brigar por fabricante de celular

Uma quase flamewar começou no post Outra pedra no caminho da Nokia – Os N8 mortos e fez este humilde analista pensar um pouco: não vale a pena brigar por nenhum fabricante, sua lealdade para com ele pode ser grande mas a dele para com você é zero. E a Nokia, pelo menos no caso do NokiaBR que eu acompanhei de longe, mostrou o tamanho da lealdade dela.

Compre o celular que for melhor para você! Desenvolva para a plataforma que dê melhores resultados para você. Que se lixem os fabricantes, eles também não ligam para você!

Nos EUA, Apple e Motorola encabeçam a lista de satisfação

Uma notícia interessante. Mesmo com todos os problemas apontados de antena, algumas fragilidades no vidro e o display amarelado das primeiras unidades do iPhone 4, a Apple consegue ser a campeã de satisfação entre seus consumidores de smartphones, seguida logo de perto pela, pasmem, Motorola.

Uma pesquisa feita nos Estados Unidos pela ChangeWave Research, revela que o reinado dos aparelhos Blackberry está chegando ao fim, ou, pelo menos, sofreu várias baixas. De acordo com essa pesquisa, os usuários de smartphones que estão mais satisfeitos têm aparelhos da Apple e da Motorola.

A surpresa nem foi ver a liderança da Apple. Fiquei surpreso com a segunda colocada.

A Motorola, que há um par de anos estava carimbada como “morta”, ressurgiu das cinzas e aparece bem perto da Apple no quesito satisfação dos seus clientes. Outra surpresa foi ver a RIM, a ex-queridinha dos norte-americanos, ficar em último lugar, amargando apenas 44% de satisfação de seus consumidores.

Quem também não está agradando muito aos seus clientes parece ser a Samsung. Vamos ver se agora, com o Galaxy S, essa avaliação melhora.

A HTC não ficou nada mal. Com 63% de aprovação dos seus consumidores, ela vem em terceiro lugar.

A Nokia nem apareceu na pesquisa, talvez pelo fato dela não ter muita penetração no mercado de smartphones nos Estados Unidos.

A pesquisa foi feita nesse mês e levou em consideração 1212 consumidores que compraram smartphones nos últimos seis meses.

Fonte: IntoMobile