Trabalhar em outro país

mundo-bolinha-de-gude
Como vocês podem ver, esse blog anda mais parado que saci de patinete.

Em primeiro lugar, por um excesso de trabalho nos últimos, talvez, 18 ou 20 meses e ultimamente por causa de uma mudança radical na minha vida, quando resolvi procurar um trabalho fora do Brasil, consegui um e vim morar na Alemanha.

Andam me pedindo esse post há alguns meses, mas só agora tive um tempo para sentar e colocar as ideias no papel WordPress para que essa experiência possa ser útil para outras pessoas.

Mas vamos logo ao frango (no meu caso salsicha).

Querer!

O primeiro passo para mudar de país é realmente querer. E querer neste caso é querer mesmo! Não é aquela vontade que dá quando você viaja para um lugar legal e diz: “Pô, moraria fácil aqui”. Querer significa colocar os meios necessários para conseguir o que se quer e isto significa planejar, nem que seja um pouco, a ideia de morar em outro país e correr atrás dos itens planejados. Dá bastante trabalho, mas se você não quer ter esse trabalho, você não quer morar em outro lugar.

Esse primeiro passo é realmente difícil. É muito fácil nos acostumarmos com a nossa vida no lugar onde já estamos estabelecidos há muitos anos, muitas vezes durante a vida toda. Mesmo que você não esteja muito satisfeito com seu trabalho ou o lugar onde mora, mudar, às vezes, dá tanto trabalho que é mais fácil, ou mais cômodo, continuar do jeito que está. É preciso conseguir um novo emprego, conseguir visto de residência, aprender ou reforçar uma nova língua (ou mais de uma), fazer a mudança da família, resolver um monte de coisas burocráticas, etc.

Planejamento

Mas digamos que você realmente quer mudar de país. Pois bem, dado o primeiro passo, começa a fase de planejamento e, em geral, essa fase começa com a seguinte pergunta: “Do que vou viver no outro país?”. Sim, é preciso se sustentar, assim como você já o faz (ou deveria fazer) no lugar onde vive.

Para os que, assim como eu, trabalham com desenvolvimento de software, há uma certa demanda alta por profissionais de informática em diversos países, tais como EUA, Canadá, Alemanha, Inglaterra, Austrália, etc.

Procurar emprego de desenvolvedor de software ficou mais fácil com a ferramenta do Stackoverflow chamada Careers (careers.stackoverflow.com). Foi com essa ferramenta que consegui o trabalho que tenho hoje na Alemanha. Há também a opção do Indeed (www.indeed.com), mas não cheguei a usá-la. Ainda existem outras ferramentas de busca de emprego fora essas duas citadas acima. Se você tem alguma experiência com outra, por favor, conte como foi nos comentários.

Com essas ferramentas, você pode procurar vagas no mundo todo e filtrar aquelas que oferecem “Relocation”.

No caso do Careers, você tem que criar o seu perfil com um currículo o mais completo possível e aplicar para as vagas oferecidas nos mais diversos países.

Criar uma conta no site dependia, há um tempo atrás, de um convite. Hoje verifiquei que além dos convites é possível criar uma conta através do link https://careers.stackoverflow.com/users/register

Conseguindo uma entrevista

Seguem minhas dicas para conseguir uma entrevista através do Careers:

  1. Tenha um bom perfil no Careers preenchendo o máximo de campos que eles deixam à disposição.
    • Escolha suas melhores respostas e perguntas no Stackoverflow e faça um link para elas.
    • Não se esqueça dos seus projetos de código aberto (Github, Sourceforge, etc.).
    • Escreva tudo em inglês e, se possível, peça para alguém revisar.
    • Tente acertar a mão na quantidade de informação, para não ficar com mais de 3 páginas na versão em PDF. Um currículo longo desanima quem está do outro lado lendo centenas deles.
  2. Escolha um país, e depois as cidades, que você realmente gostaria viver. Se você não gostaria de morar em Amsterdã, por exemplo, nem veja as vagas de lá.
    • Abra o Google Maps e veja naquele país todas as cidades que você imagina que gostaria de morar.
    • Busque vagas que ofereçam “Relocation”.
    • Busque por cidade e mande currículo para todas que encontrar com o seu perfil.
  3. Crie uma conta no Skype. Você vai precisar para as entrevistas.
  4. Fique atento às diferenças de horários nas entrevistas.

Preparando a entrevista

Antes de uma entrevista, em geral as empresas aplicam testes para filtrar os candidatos que realmente têm condição de ocupar a vaga oferecida. O que aplicaram em mim foi o teste do Codility (https://codility.com/programmers/). É possível treinar com o Codility antes de fazer um teste de verdade. Veja no link acima como treinar e gaste um tempo com isso. Mesmo que você não passe em nenhuma entrevista, pelo menos seu código ficará melhor. 😀

Esteja pronto para receber um e-mail te convidando para uma entrevista via Skype. Em alguns casos o entrevistador pede para você compartilhar a tela do seu computador para ver se você é realmente capaz de executar uma tarefa. Em outros casos a entrevista é com vídeo e você tem que responder a perguntas ao vivo, como uma entrevista normal de trabalho.

Nos dois casos é bom se preparar antes. Se for uma entrevista com teste ao vivo, é bom saber que ferramentas serão necessárias e instalar tudo no seu computador e testar para ver se tudo está funcionando. Se for uma entrevista com vídeo, capriche no visual como se fosse uma entrevista ao vivo. Você pode até estar de bermuda e sem desodorante, mas uma camisa social e uma gravata vão bem (no caso dos homens, é claro).

Em todos os casos, prepare-se para responder muitas perguntas. Faça as perguntas no papel e anote as respostas. Leia várias vezes antes da entrevista e responda com convicção. Treine responder perguntas como: “Por que você quer sair do (Brasil / seu emprego atual)?”, “Por que você escolheu trabalhar com a gente?”, “Como/Onde você quer estar daqui a (1, 5, 10) ano(s)?”, “Qual é o seu maior defeito? E a maior qualidade?”, “O que você sabe a respeito da empresa?”, “Quanto você quer ganhar?” e outras tantas que toda entrevista de emprego tem. Reforço a dica: ESCREVA AS RESPOSTAS E LEIA VÁRIAS VEZES ANTES.

Salários

Pesquise os salários médios nas cidades que você está enviando currículos. Existem diversos sites para isso. No caso dos EUA, o Indeed oferece uma boa ferramenta de busca de salários (http://www.indeed.com/salary). O PayScale também tem informações, inclusive de outros países além dos EUA.(http://www.payscale.com).

Outra dica para procurar salários é buscar no Google “salary survey <país desejado>”. Você vai encontrar sites como o Salary Explorer e outros muitos com a informação que você precisa.

Alguns países têm mais restrições a estrangeiros, como é o caso da Inglaterra, mas países com os EUA, Alemanha, Canadá, Austrália e outros, estão bem abertos à contratação de estrangeiros. Isso não quer dizer que você não vai conseguir um emprego em Londres, mas saiba que vai ser mais difícil.

Deu tudo certo e agora?

Vencida a etapa de entrevistas você vai precisar começar a etapa burocrática. É preciso ter um contrato muito bem definido, em papel, assinado pelas partes, para poder ir ao consulado do país que você pretende se mudar e começar o processo de pedido de visto. Provavelmente você vai precisar traduzir histórico escolar, diploma, certidão de casamento, currículo e outras coisas. Prepare o bolso para traduções juramentadas, legalizações e próprio visto, que não costuma ser barato em nenhum país. A mudança em si é outra coisa que exige uma quantidade razoável de dinheiro. Veja com a empresa que está te contratando se eles têm algum incentivo para a mudança, como pagamento de passagens, hospedagem nas primeiras semanas, etc.

Quando conseguir o visto, prepare a parte brasileira da mudança. Se você paga aluguel no Brasil, veja com o dono do apartamento se é possível terminar o contrato ou consiga um outro inquilino para te substituir. Venda carro e tudo que não puder levar com você. Faça um bazar de garagem, mesmo que você não tenha garagem. Cancele tudo que puder ainda no Brasil, inclusive telefone celular. Tudo vai ser mais difícil de cancelar no exterior. Faça uma procuração de plenos poderes e deixe com seus pais ou pessoas de toda confiança, lembre-se são plenos poderes. 🙂

E depois?

Bom, ainda não sei o depois. Estou completando o terceiro mês longe da minha cidade natal, Rio de Janeiro, e até agora a experiência tem sido excelente para mim. Várias coisas diferentes, alguns desafios próprios de mudar para outro país, mas no geral está tudo bem.

Cada país tem sua peculiaridade em termos de burocracias e hábitos locais. Não é o caso deste post entrar no detalhe da mudança em si, até porque quero que ele seja genérico e sirva para mudanças para outros países. Talvez até faça uma continuação do assunto depois, entrando no detalhe da Alemanha, mas não agora.

E você? Está pensando em mudar de país? Já mudou? Deixe suas experiências e dúvidas nos comentários!

A tatuagem do programador

Se fosse obrigatório fazer tatuagem, ao invés de tatuar aquelas asneiras de jogador de futebol, todo programador deveria tatuar seu algoritmo preferido.

tattoo

Este seria o meu, tal é a beleza e simplicidade do algoritmo concebido por Euclides para achar o máximo divisor comum entre os números inteiros x e y.

O mestre Donald Knuth diz no volume 2 da bíblia:

“[The Euclidean algorithm] is the granddaddy of all algorithms, because it is the oldest nontrivial algorithm that has survived to the present day.”

E qual o algoritmo que você tatuaria?

Previsões para 2014

Este analista teve um ano nababesco e negligenciou este blog. Após cravar na mosca a venda da Nokia para a Microsoft (vide previsões 2013) encheu as burras de dinheiro e tirou vários meses sabáticos torrando a grana com ovos cozidos no caribe (Aruba, Saint Marteen, Bahamas, etc), obviamente a salmonella contraída com um ovo cozido na ilha presídio dos maníacos Castro fez com que minhas atividades analíticas ficassem prejudicadas em 2013 e agora estou precisando fazer novas previsões porque torrei minha grana toda.

Alguns analistas não usam metodologias científicas e seguem a máxima de Bezerra da Silva para suas previsões, não acontece isto com este analista que percebe pequenas flutuações em sofisticados modelos matemáticos e depois olha para a cor da unha do dedão, esquece os cálculos e faz previsões certeiras. Assim sendo se você quiser ficar rico em 2014 fique atento às minhas previsões e evite comer ovo cozido na ilha prisão dos Castro.

  • O Google vai matar meia dúzia dos seus produtos. Esta eu acerto com certeza. Quais produtos vão morrer? Eu chutaria o natimorto Google+, Google News e Picasa.
  • A Microsoft irá comprar de vez a empresa Xamarin.
  • A Microsoft irá comprar o Paypal ou a Netflix mas não os dois.
  • A Apple lançará um iPhone de 4,6 polegadas.
  • O Yahoo! irá comprar a Aol
  • O Twitter comprará 12 empresas em 2014.
  • Você ficará com o traseiro sentado na cadeira durante as eleições de 2014 e depois vai reclamar que a Dilma foi reeleita e o iPhone 6 custa R$ 3780,00, o serviço 3G piorou e o 4G do Brasil é inferior ao EDGE de Botswana.

previsoes 2014

Mini Helicópteros com filmagem

O preço dos mini-helicópteros com capacidade de filmagem e alguma capacidade de vôo autônomo anda caindo drasticamente. O que há alguns anos era um sonho distante, agora pode ser adquirido por cerca de 500 dilmas no Mercado Livre ou outros sistemas de importabando similares.

Obviamente que se você morar nos EUA você pode comprar isto no HobbyKing, DIY Drones ou até montar o seu com peças compradas na SparkFun.

Para quem quer ter um Hobby ou comprar um brinquedo para o filho (velha desculpa para comprar um brinquedo para o pai) é uma boa sugestão.

Só não caia na tentação de espionar os seus vizinhos ou você pode ter sua própria versão de Black Hawk Down.

microquad_1

Universidade pública e gratuita: o preço do atraso

Todos os anos, quando sai o ranking das universidades, eu costumo fazer esta mesma reflexão: grande parte do nosso atraso se deve ao fato de termos universidades públicas gratuitas.

Eu tenho consciência de que este post irá atrair a ira de muitos, e também que há bons argumentos em contra do que vou dizer, mas penso que algumas coisas precisam ser ditas, mesmo que aborreçam os leitores.

Hoje vimos que a USP, a melhor universidade do Brasil segundo praticamente todos os rankings existentes, ficou de fora do Top200 das universidades do mundo. Não é, definitivamente, algo a se comemorar. Fico triste, fiz ali o doutorado, mas isto não me isenta de voltar a afirmar que o modelo é ruim.

Universidades públicas gratuitas sofrem de uma dupla doença, estimulam a acomodação de bons professores e de bons alunos. Explico-me: numa universidade privada de alto nível temos bons alunos e bons professores e ambos estão motivados, os primeiros por que querem uma boa carreira e estão pagando caro pelos seus estudos, os outros porque são bem remunerados, tem boas condições de trabalho e sabem que acomodar-se é uma receita eficaz para a demissão ou a desgraça na carreira.

Na universidade pública brasileira estas duas coisas são complicadas. Os alunos não precisam se esforçar tanto, afinal não estão pagando nada, não vão ser jubilados se não fizerem muitas barbaridades, e no final acabam tirando seu diploma em uma universidade bem reconhecida no Brasil. Os professores tem estabilidade, mas também recebem um salário que não varia muito caso produzam mais, não tem tantas facilidades de financiamento para a pesquisa, mas também a falta de produtividade é suprida por outras atividades e brigas de egos.

Mas há o ProUNI, dirá o petralha furibundo. Sim, o ProUNI é o maior programa mundial de jogar dinheiro na lata do lixo. O ProUNI financia as Faculdades Amontoadas de Rio Pequeno da Casa do Chapéu, que é uma fábrica de produzir diplomas, eu já dei aulas numa destas e sei como a banda toca por lá.

Mas e os pobres? Dirá outro que se sente ultrajado pelos meus comentários. Os pobres não entram nas universidades públicas em geral. Os pobres tem seus diplomas emitidos por faculdades privadas que recebem dinheiro do governo, nosso dinheiro, para receber uma educação em geral sofrível.

Existe também as faculdades dentro da universidade pública, que pagas com o meu e o seu dinheiro, são antros de doutrinamento político partidário, sinônimos de pouco estudo e muita maconha. Sim, com raras exceções este é o panorama das escolas de humanas no país.

O aluno de escola pública tem pouca gratidão para com sua universidade, quanto mais com o contribuinte que pagou seus estudos. Se vemos nos EUA, pessoas que chamam sua Universidade de Alma Mater, doam grandes quantias, promovem eventos para arrecadar fundos aqui no Brasil isto não acontece.

Bom, mas o que você propõe? Pergunta alguém que ficou interessado nos argumentos. Se quisermos chegar no nível tecnológico que há nos EUA, na Inglaterra, Suíça, Japão, Canadá, Austrália, Cingapura, entre outros é preciso mudar a política educacional. Privatizar as universidades públicas ou instituir um regime de mensalidade nelas, tirar a estabilidade dos professores. Com o valor economizado investir em pesquisa e remuneração para bons professores, trazer professores de ponta, financiar alunos que precisam em Universidades que valem a pena.

Estimular os cursos técnicos. O diploma universitário não é algo que tem valor em si, mas se vem acompanhado de uma formação decente. Há muitos profissionais extremamente competentes que não cursaram universidades. E digo mais, melhor um excelente curso técnico que um curso mequetrefe de TI numa universidade de fundo de quintal.

Quer debater este assunto? Os comentários estão aí a disposição.

Princeton_University_fort_qg

Seu Windows 7 não liga? Leia isto antes de sair formatando.

Se você instalou a atualização KB2823324 e seu Windows 7 é em português do Brasil e 32-bit provavelmente ele não estará ligando. Concordo que a lambança foi grande e vai rodar muita gente na Microsoft (será que o erro foi no Brasil?) pelo erro.

Mas tem conserto, tanto que eles colocaram na home da Microsoft Brasil este aviso.

Em 10 de abril de 2013 tomamos conhecimento que alguns usuários enfrentaram dificuldades após aplicarem o update de segurança Windows 7 KB2823324.

Observação 1: Não formate o seu computador para não perder os dados. Os passos abaixo fazem a restauração do sistema.
Observação 2: Essa página será atualizada sempre que surgirem novas alternativas para solução deste problema.

Essa comunicação tem como objetivo corrigir a falha de inicialização que possa ser causada após a instalação da atualização de segurança KB2823324.

Durante o processo de inicialização da máquina, uma das seguintes mensagens de erro pode aparecer:

Mensagem de Erro 1

STOP: c000021a {Fatal System Error}
The Session Manager Initialization system process terminated unexpectedly with a status of 0xC000003a (0x00000000 0x00000000).
The system has shutdown.

Mensagem de Erro 2

O Windows não foi iniciado com êxito. Uma alteração recente de hardware ou software pode ter causado o problema. Para corrigir o problema:

  1. Insira o disco de instalação do Windows e reinicie o computador.
  2. Escolha as configurações do seu idioma e clique em “Avançar”.
  3. Clique em “Reparar o seu computador”.

Se você não tiver o disco, entre em contato com o administrador do sistema ou fabricante do computador para obter assistência, ou entre em contato com a Microsoft.
Status: 0xc000000e
Informações: A seleção da inicialização falhou porque um dispositivo necessário está inacessível.

SOLUÇÃO

Basicamente é bootar em modo de segurança com prompt de comando e entrar o comando:
dism /image:C:\ /cleanup-image /revertpendingactions

Onde C: é o seu HD do Windows.

Se precisar de mais detalhes siga o guia da Microsoft: http://www.microsoft.com/brasil/resolucao/

KB2823324 epic fail

Está preparado para ganhar na Megasena da Virada?

O Zeletron já ensinou você como ganhar na Megasena da virada há dois anos atrás. Tudo bem que nosso leitor que ganhou não deu nem um cafezinho para o Zeletron Master 🙂

Mas aqui vai o caminho das pedras:

http://www.zeletron.com.br/2010/12/megasena-da-virada-zeletron-ensina-voce-a-ganhar.html

http://www.zeletron.com.br/2010/06/acerte-na-loteria-com-nosso-metodo-infalivel.html

Do texto de 2010 uma das partes em que continuo pensando é:

Agora ganhar na loteria, por mais paradoxal que parece, além de muito raro pode ser uma maldição. Maldição??? Como você ousa dizer que ganhar 200 milhões de reais pode ser uma maldição, perguntaria você. Eu respondo dizendo: pense em todas as transformações que aconteceriam na sua vida se você ganhasse 200 milhões na loteria. Na facilidade em gastar, em parar de trabalhar, em mudar as relações familiares e de amizade. É um bom exercício mental pensar nisto e ajuda a conhecer-nos.

Você está preparado para ganhar na loteria? Eu tenho minhas dúvidas se seria bom eu ganhar.

Em todo caso, se você for fazer um bolão eu acho que poderia perguntar ao José Antonio qual é o algoritmo de cercar quinas…

Maldição da Loteria

 

Você pode dar uma opinião?

O fim do NokiaBR foi uma mudança de paradigma no blog. Se antes só se falava de Nokia agora o blog é bem mais eclético, tem até o Mobile Analyst.

Não sabemos o quanto isto agrada a você e por isso pedimos sua ajuda para votar em duas perguntas.

O que você mais gosta de ler no Zeletron?

View Results

Carregando ... Carregando ...

Como você lê o Zeletron?

View Results

Carregando ... Carregando ...

Poll

Pensamentos sobre recrutamento de pessoas espertas

Há algum tempo escrevi sobre o drama de contratar programadores aqui no Brasil. Meu drama continua, estou compilando o melhor (o pior) dos currículos recebidos, mas fica para outro post.

Em 1999 a Microsoft me contratou depois de uma entrevista que durou 5 horas precedida por uma longa entrevista por telefone. Como não quis ir para Seattle a vaga passei para um amigo meu que segue lá no DirectX até hoje, mas estou me desviando do tema de novo. O fato é que lembrei que a Microsoft tinha um estilo muito interessante de fazer entrevistas. Pensando nisso comprei o livro “Are you smart enough to work at Google” e peguei umas idéias de entrevista.

Uma bem curiosa era a seguinte: colocaram numa cidade universitária um outdoor com os seguintes dizeres:

{first 10-digit prime found in consecutive digits of e}.com

É um site. E como se sabe qual site é?

Bom a constante e, que é um número transcendente, pode ser aproximado por:

\sum_{n=0}^{i}\frac{1}{n!}

Ou então você pode usar o módulo decimal do python

from decimal import *
getcontext().prec = 6000
e = Decimal(1).exp()

Agora é só montar um programa que passe pelos 10 dígitos e calcule se é primo ou não:

import math
from decimal import *
getcontext().prec = 6000
print "Calculando e com %d digito"%getcontext().prec
e = Decimal(1).exp()
strE = e.as_tuple()[1]
strE = [str(i) for i in strE]
print "Montando crivo"
crivo = [2]
for i in xrange(99996):
   isPr = True;
   sqrtI = math.sqrt(i)
   for j in crivo:
      if (i+3)%j == 0:
              isPr = False
              break
      if (j &gt; sqrtI):
          break
   if isPr:
      crivo.append(i+3)
 
def isPrimoC (n):
   sqrtN = math.sqrt(n)
   for j in crivo:
       if (n%j) == 0:
               return False
       if (j &gt; sqrtN):
               return True
   return True
 
print "Procurando Primeira sequencia de 10 digitos primo"
for i in xrange(len(strE)):
        dec = int("".join(strE[i:i+10]))
        if isPrimoC(dec):
           print "Achei: %d pos(%d)"%(dec,i)
           break

Encontramos a resposta que é 7427466391 e portanto o site é: 7427466391.com

Neste site 7427466391.com havia um outro problema que gerava outro site que por fim fazia o candidato chegar na página de submeter o curriculum.

De fato é uma boa forma de fazer uma pré-seleção.

Se você tiver idéias de como fazer uma boa seleção de candidatos, compartilhe conosco.

Porque não nasci em Botswana ou Namíbia?

De fato o Brasil é um belo exemplo de atraso em muitas coisas. Vejam que belo exemplo:

A Apple anunciou a navegação guiada por voz nativa no iOS6 (já sei que vão dizer que o Nokia Maps faz isto há anos, etc., mas não é o ponto aqui). Vejam os países incluídos:

Albania Argentina Austria Belarus Belgium Botswana Bulgaria Canada Chile Croatia Czech Republic Denmark Estonia Finland France Germany Greece Hong Kong Hungary Indonesia Ireland Israel Italy Japan Latvia Liechtenstein Lithuania Luxembourg Macedonia Malta Mexico Moldova Montenegro Namibia Netherlands New Zealand Norway Philippines Poland Portugal Romania Russia San Marino Singapore Slovakia Slovenia South Korea Spain Sweden Switzerland Turkey UK Ukraine Uruguay USA Vietnam
Available in October
Australia Brunei Egypt Macau Malaysia Morocco South Africa Taiwan Thailand

E eu me pergunto? Porque não nasci em Botswana ou na Namibia?

Gravador de Decibels

Seu marido ronca mais alto que um motor de 747-8I? Sua mulher ronca como um AR-15? Seu vizinho está dando uma festa de arromba e infernizando sua noite? Você quer ver como é seu sono? Você quer medir o ruído no ambiente de trabalho?

Para isto fizemos o Gravador de Decibels: Decibel Record                        Decibel Record - Netfilter

Ele tem as seguintes funcionalidades:

  • Feedback realtime
  • Gráficos de Aquisição
  • Estatísticas
  • Exportação dos dados em formato CSV – Faça planilhas e gráficos avançados com o ronco do seu marido / sua mulher.

Resolvendo o problema do 3G no Brasil: “Russian Roulette algorithm”.

Este blog apresenta agora, pela primeira vez na história, um algoritmo (meramente teórico) para resolver o problema do 3G no Brasil, que como já comentamos algumas vezes aqui neste blog é algo de décimo mundo (todas: Vivo, Oi, Tim e Claro).

O algoritmo é o seguinte (depois de discussão entre os editores para ver o que era publicável):

  • passo 1: pegue um revolver revólver de borracha com seis tiros. Remova todos os cartuchos.
  • passo 2: coloque uma munição bala de borracha no tambor.
  • passo 3: utilizando a função random() % 4 selecione o presidente de uma operadora. Se sair 0 você pega o da Claro, se for 1 o da Oi, se for 2 o da Tim e se for 3 o da Vivo.
  • passo 4: gire o tambor do revólver arma de borracha aleatóriamente.
  • passo 5: Coloque um chip da operadora sorteada no seu celular.
  • passo 6: Coloque o cano do revólver da arma de borracha dentro da boca apontada para uma região “delicada” do presidente da operadora sorteada.
  • passo 7: Digite www.google.com no browser do celular.
  • passo 8: Se a página abrir em menos de 30s pule para o passo 11
  • passo 9: Puxe o gatilho.
  • passo 10: Se atirou arrume outro presidente dê um gelo para o presidente da para a operadora
  • passo 11: Remova a munição ou apenas a capsula do tambor.
  • passo 12: Retorne ao passo 2

Execute o algoritmo num processo colocado no crontab a cada hora. Em poucos dias teremos a solução do problema do 3G no Brasil ou pelo menos do desemprego …

Caso queira acelerar o processo use a roleta portuguesa (5 balas balas de borracha e duas apertadas no gatilho) no núcleo do algoritmo.

Este algoritmo é baseado no algoritmo chinês para resolver o bug do milênio em aeronaves.

Thinking outside the box – Criatividade

Antes de começar gostaria de dizer que não havia resolvido o problema do post anterior. Inclusive, para piorar a situação fiz um programa em Python para tentar resolver na força bruta e não consegui.

E não consegui porque estava aferrado a limitações que eu mesmo me coloquei e que não estavam no problema. Porque a linha precisa começar num dos pontos e ficar restrita ao espaço dos pontos? Em nenhum lugar diz isto, mas eu assumi isto e não consegui resolver o problema.

A expressão “thinking outside the box” que alguns traduzem por “pensar fora da caixa” tem origem neste problema do post abaixo e diz respeito ao fato de que é impossível achar uma solução para ele pensando convencionalmente.

Este pensamento criativo que busca soluções “fora da caixa” para problemas que não admitem uma solução :”na caixa” é uma ferramenta importante em computação e em outras áreas que exigem que resolvamos problemas. Portanto este problema foi para mim um alerta: quando começa a bater a cabeça num problema, tente distanciar-se dele e ver se com uma perspectiva maior não encontra uma solução.

Abaixo a solução com 4 linhas:

E forçando um pouco mais a solução com 3 linhas.

Como o @jbvsmo disse é possível fazer com uma linha, desde que ela não seja reta.