Previsões para 2016

Sim, andei sumido. Afinal qual a utilidade de um analista num país onde a única coisa que um analista sensato pode fazer é dizer que enquanto a estocadora de vento e saudadora de todas as mandiocas (sem trocadilhos) estiver no governo tudo vai cair.

Desempregado, estou passando uma temporada como voluntário na legião estrangeira, que me garantiu um repouso adequado da vida estressante que levava, e acompanhando o noticiário na minha conexão 2400bps no Inmarsat pensei nas previsões para 2016 em termos de tecnologia.

1) Talvez o 3G da TIM funcione durante as Olimpíadas. Ainda não foi confirmado, mas fontes internas dizem que estão fazendo um esforço para ter pelo menos uma barrinha de sinal e 64kbps de ultra-velocidade.

2) Mais da metade das fotos de atletas patrocinados pela Samsung, vão aparecer como Sent by iPhone, no Twitter das Olimpíadas 2016.

3) Vão levar tanto celular na mão grande na orla de Copacabana, que se você tiver algo inferior a um iPhone 6S pode ficar tranquilo.

Agora as previsões sérias

a) O Windows Phone 10 vai chegar a 10% de mercado. Este analista já pode ver que se trata de produto de primeira qualidade, inclusive já vi na fila das lojas Americanas duas senhoras que não são propriamente o Bjarne Stroustrup conversando: “mulher, compra o Windows Phone que não pega virus como aquelas porcarias de Android”. Tudo bem que ela aconselhou a passar álcool e veja para matar os vírus, mas você entende a idéia.

b) A plataforma Android passará pela primeira séria infecção de virus que balançará as estruturas de confiabilidade do código aberto.

c) 2016 será o ano em que a Apple lançará o híbrido do iPad com o Macbook.

d) O Facebook começará uma temporada de declínio.

e) O mercado externo de desenvolvimento de software ficará mais atraente. O êxodo de programadores brasileiros se intensificará.

Desejo a todos os leitores um feliz 2016 e agora como já é quase ano novo aqui em Mayotte vou celebrar!

Comments on this entry are closed.