Colocando o Apache para funcionar no Mac OS X 10.10 (Yosemite)

Não vou tecer aqui as minhas reclamações a respeito do novo sistema do Mac. Não estou me entendendo muito bem com ele, espero que seja questão de tempo.

Uma coisa que mudou e me deu trabalho foi o Apache. No Mavericks, o Apache era o 2.2. No Yosemite, eles agora usam o 2.4. Se você usava o Apache no Mavericks, vai ver que ele logo de cara não funciona no Yosemite.

Vamos aos passos que resolveram o meu problema. Talvez resolvam o seu também. Estou supondo que você use o Apache com o PHP na pasta /Library/WebServer/Documents/.

Edite o arquivo /etc/apache2/httpd.conf (você vai reparar que ele salvou uma cópia do seu httpd.conf como httpd.conf.pre-update. Suas configurações antigas estão lá).

sudo vi httpd.conf

Comente a linha “Require all denied” do diretório “/”.

AllowOverride none
# Require all denied

Descomente a linha que carrega o PHP.

LoadModule php5_module libexec/apache2/libphp5.so

Caso você não esteja usando o apache na pasta /Library/WebServer/Documents/, talvez seja útil adicionar o usuário _www aos grupos admin, staff e wheel, usando os comandos abaixo no terminal.

sudo dseditgroup -o edit -a _www -t user admin
sudo dseditgroup -o edit -a _www -t user wheel
sudo dseditgroup -o edit -a _www -t user staff

Pronto. Reinicie o apache que tudo deve funcionar agora.

sudo apachectl restart

Déjà vu Ibope

Nem vou entrar no mérito das pesquisas da véspera. Olhando apenas o resultado das pesquisas de boca de urna, vemos que os caras do Ibope não aprenderam nada nos últimos anos (se eles lessem o que o Zeletron falou em 2012…)

Olhe a definição que costuma acompanhar as pesquisas:

O levantamento foi realizado entre os dias 1 e 4 de outubro. Foram entrevistados 2.002 eleitores. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

Agora veja a realidade (em vermelho a boca de urna e em azul a realidade):

São Paulo:

Geraldo Alckmin (PSDB) – 52%
Paulo Skaf (PMDB) – 22%

Geraldo Alckmin (PSDB) – 57%
Paulo Skaf (PMDB) – 21%

Rio de Janeiro:

Pezão (PMDB) – 34%
Garotinho (PR) – 28%
Crivela (PRB) 18%

Pezão (PMDB) – 40%
Garotinho (PR) – 19%
Crivela (PRB) 20%

Brasil

Dilma (PT) – 44%
Aécio (PSDB) – 30%

Dilma (PT) – 41%
Aécio (PSDB) – 33%

Qualquer explicação que não seja um pedido de desculpa e uma promessa de estudar estatística (e ler o Zeletron) soa a desonestidade.

eleicoes-2014-datas-candidatos

Antes de bater as botas

Você nunca sabe quando vai bater as botas, esticar as canelas ou abotoar o paletó de madeira. Pode ser daqui a cinquenta anos ou quando você sair do trabalho, atingido por um “buzão” 485. Além de estar com os assuntos em ordem com o Criador é bom deixar as coisas daqui em ordem.

Como não é bom deixar pepinos para quem fica o Google resolveu ter uma forma de você passar seus dados para alguém de confiança como um testamento virtual.

É simples ativar: Vá nas configurações da sua conta -> Serviço de Dados -> Empacotou.Com (não, eles não chamam assim, chamam de conta inativa)

Aí você estabelece um prazo para eles dizerem que sua conta está inativa e mandar os dados que você selecionar das suas contas Google para seu herdeiro virtual.

tela dead Google

Obviamente que morando no Brasil é bom não colocar um prazo muito curto. Vai que você é sequestrado e demora para negociar o resgate, vai que a Oi demora um mês para consertar sua internet, ou você dá uma de Pizzolato e foge da PF…

Neste serviço você também pode escolher que seus dados sejam apagados após o momento que o Google detectar que você tomou o chá da meia noite.

Existem inúmeros serviços para mandar mensagens em caso de você comer capim pela raiz, um deles gratuito que deixa mandar mensagens de texto para duas pessoas em caso de inatividade é o http://www.deadmansswitch.net , tem uma interface espartana mas ninguém precisa de um design Apple-like no caixão.

Em um mês temos o feriado de finados, sempre é bom aproveitar esta época do ano para pensar que nossa vida, mesmo a digital é passageira (tirando o cobrador e o motorista).