Sete leituras para o domingo

Vamos ver se emplacamos uma nova modalidade de post neste blog. Um resumão dos melhores posts que lemos na semana.

1) One Race: Um resumo muito bem feito pelo NYTimes da prova dos 100m rasos ao longo das Olimpíadas. Vale a pena ver.

2) Neil Alden Armstrong – (05/08/1932 – 25/08/2012) RIP

O primeiro homem que pisou na lua faleceu ontem. O Cardoso do Meio Bit escreveu um texto interessante sobre um episódio da vida de Neil.

3) A vitória do processo da Apple sobre a Samsung também foi um importante evento nesta semana. Você pode ler um texto legal sobre isto na Forbes. Segundo eles o grande vencedor e a Microsoft porque a Samsung pode mandar o Android para a vala e adotar em cheio o Windows Phone 8.

4) Há um texto bom na Scientific American sobre como o modelo atual de Hollywood está estimulando a pirararia. Concordo 100%. Os caras demoraram tanto para lançar o DVD do Jogos Vorazes, por exemplo, que muita gente viu o piratão.

5) Um aplicativo interessante para você que é viciado em Google Analytics: Quicklytics. Vale à pena ler o Making Of.

6) Um site muito bom com várias soluções elegantes em design de aplicações móveis. Bem organizado é um daqueles que tem que estar em seu bookmark.

7) Por fim, não deixe de ver no G1 os belos infográficos que fizeram explicando o julgamento do Mensalão.

Como fazer o Brasil subir no quadro de medalhas?

É fato que o desempenho olímpico dos nossos atletas é fraco, mais uma vez pífio, em grande parte por incompetência dos dirigentes e também por estas amareladas a que estamos nos acostumando. Pensando nisso o Zeletron, parte integrante da organização dos Jogos Olímpicos no Rio em 2016, resolveu fazer alterações nos esportes olímpicos para acomodar, digamos assim, as habilidades nacionais.

Além do básico Futsal e Futebol de Areia vão aqui os esportes que vamos introduzir.

Truco

O truco olimpico, disputado nas categorias masculino, feminino, duplas mistas, duplas bebadas será um sucesso para o Brasil. Muitos analistas pensam que podemos faturar cinco medalhas de ouro e mais umas tantas de prata. Vai ser muito legal ver as pessoas se comunicando em várias línguas: “Truco, marreco, ladrão de pudim de padaria!”, “truco your mallard thief of bakery pudding”,”truco Ihre Ente Dieb Bread-Pudding”, “trucoあなたのアヒル泥棒パンプディング”. Mais legal ainda vai ser o brasileiro colando o zap na testa do japonês para levar a medalha de ouro.

Bola de Gude

Este vai substituir aquela baixaria que é a tal da luta greco romana e vamos encher o caneco de medalhas. Nas modalidades búlica, meia-lua, mata-mata, triângulo, tanto no masculino como no feminino, em duplas masculinas e duplas femininas e duplas mistas estamos garantindo aqui pelo menos 20 medalhas de ouro.

Pipa

Nesta modalidade com cerol olímpico, devidamente aprovado pela comissão pipeira de Nova Iguaçu, o Brasil vai garantir ouro com certeza nas modalidades corte rápido, corta e apara, cortes múltiplos. Também obviamente que haverá categorias masculino e feminino . Seis medalhas de ouro no papo.

Futebol de Botão

Esporte tradicional não pode ficar de fora das Olímpiadas. E por isto incluímos nas modalidades masculino, feminino, duplas masculinas, duplas femininas, duplas mistas, dupla adulto e criança, masculino e feminino e tudo isto separado em modalidade disco (vulgarmente conhecido como regra baiana) e dadinho. Serão permitidos beques gigantes e goleiros de caixa de fósforo.

Futvolei

Este não pode ficar de fora. O campeonato será organizado na regra Romário e Edmundo, com duplas masculinas, femininas, mistas e times de 4 masculino e feminino. Não tenho dúvida que vamos encher o bolso de medalha.

Acho que com isto estamos prontos para ficar bem no quadro de medalhas em 2016. Falta agora você escolher qual foi o amarelão do ano em 2012

  • ( ) Neymar
  • ( ) Diego Hipolito
  • ( ) Fabiana Murer
  • ( ) Cesar Cielo
  • ( ) Rodrigo Pessoa
  • ( ) Joana Maranhão
  • ( ) Mauren Maggi
  • ( ) Volei Masculino

Usain Bolt fez o raio cair duas vezes no mesmo lugar

Eu sei que isto não é o principal foco do blog mas eu não poderia deixar de comentar meu assunto favorito nas Olimpíadas, a prova dos 100m rasos. Quando eu era garoto era bem rápido. Treinava 100m na praia com meu pai cronometrando no relógio Casio com jogo de pirâmides (GM-40). Sempre tive paixão por esta prova e meu sonho era correr nas Olímpiadas de Atlanta. Mas a vida é o que acontece enquanto estamos ocupados fazendo outros planos e acabei sendo engenheiro, depois fiz o doutorado em medicina e agora com bastante desenvolvimento do panceps e acima dos 35 anos só dá para assistir.

Como a porcaria do COI não deixa por vídeos (os caras ainda estão na idade da pedra) não vou colocar aqui a prova de hoje. Você pode ver grátis no site do Terra.

Se alguém tinha dúvidas que Usain Bolt ia ganhar os 100m, estas dúvidas se dissiparam na semifinal, quando trotando nos últimos 30 a 40m ele conseguiu o tempo de 9,86.

Na final ele teve problemas na largada, nos 10m está em último e mesmo assim finalizou a prova com o recorde olímpico e o segundo melhor tempo da história: 9,63. Em segundo lugar seu companheiro Yohan Blake. Parabéns para a Jamaica que tinha 3 competidores na final Olímpica.

Agora vamos aguardar os 200m e o revezamento 4×100.

 

Outra mancada da Nokia – Baniu do Nokia Dev o criador do Gravity

Pois é moçada, parece mesmo que a Nokia não consegue ficar muito tempo sem soltar um “fogo amigo“.

O último a receber uma bordoada da Finlandesa foi o alemão Jan Ole Suhr, mais conhecido como o desenvolvedor do Gravity, o melhor cliente de Twitter feito para Symbian. Na minha opinião, ele é melhor do que qualquer outro por aí.

Contatado pela Nokia sobre sua intenção de portar o Gravity para Windows Phone, o rapaz disse que não tinha intenção de portar, uma vez que não via um retorno financeiro razoável que justificasse o trabalho de portar e manter o aplicativo para Windows Phone.

Por causa dessa negativa, a Nokia baniu o sujeito do programa Nokia Dev, mesmo ele sendo um campeão de vendas na Ovi Store com o Gravity.

Quem já usou o Gravity pelo menos por um tempo, sabe que ele é um excelente cliente para Twitter e que ele é continuamente atualizado com correções de bugs e novas funções. O programa é muito bem cuidado, mas também é muito bem pago. Uma licença do Gravity custa a “bagatela” de R$ 18,00 (segundo minha pesquisa na Ovi Store). E você reclamando em pagar US$ 0,99 por um Angry Birds…

Enfim, o desenvolvedor achou que não teria condições de manter uma versão no Windows Phone da mesma forma que ele mantém a do Symbian e, por causa disso, tomou um “ban” da Nokia.

O negócio pegou mal e a Nokia, reparando na besteira que havia feito, tentou chamar o sujeito de volta oferecendo a ele um Lumia de graça e um e-mail de desculpas tosco assim: “Desculpe, você pode voltar quando aprender a desenvolver para Windows Phone 7”. O resultado dessa lambança é que ele agora está pensando em portar o Gravity para iPhone e Android.

Deixo abaixo uma conversa do Jan Ole sobre o assunto no Twitter.


Quem ganha com isso? Os usuários de Android e iPhone, que poderão ter um cliente decente de Twitter. Só perdeu com isso a Nokia, que teve mais uma vez a imagem arranhada por um fogo amigo.

Gravador de Decibels

Seu marido ronca mais alto que um motor de 747-8I? Sua mulher ronca como um AR-15? Seu vizinho está dando uma festa de arromba e infernizando sua noite? Você quer ver como é seu sono? Você quer medir o ruído no ambiente de trabalho?

Para isto fizemos o Gravador de Decibels: Decibel Record                        Decibel Record - Netfilter

Ele tem as seguintes funcionalidades:

  • Feedback realtime
  • Gráficos de Aquisição
  • Estatísticas
  • Exportação dos dados em formato CSV – Faça planilhas e gráficos avançados com o ronco do seu marido / sua mulher.