Windows Phone: o caçador de Androids

Que o Android é ruim de dar dó, isto já falamos aqui. Tanto o desenvolvedor, como o usuário sofrem com a fragmentação e a plataforma de desenvolvimento. Depois tem o problema do suporte. O sujeito compra um Xing-ling por 199 pilas e quer que você diga a ele porque seu app não roda lá.

Então porque alguém compra um Android? Este analista vê duas razões: não gosta do iPhone ou não tem condições financeiras de comprar um iPhone agora.

Mas esta semana, este analista recebeu de seu patrão um Samsung Omnia W com Windows Phone 7.5 e viu que há esperança para quem não quer ou não pode ter um iPhone.

A interface do Windows Phone, como outros já falaram neste blog, usa uma metáfora revolucionária, bastante ágil e bonita. É bem diferente do iOS e ousaria dizer que em vários pontos é superior ao iOS. Além disso, pelo fato de a Microsoft colocar o sarrafo bem alto em termos de requisito de hardware o usuários já sabe o mínimo que pode esperar da plataforma.

Os desenvolvedores que conheço tem elogiado muito o Visual Studio 10 e o 11 que é o atual beta. Para muitos, mesmo o XCode da Apple leva um banho da plataforma Microsoft.

Se você estiver pensando em comprar um celular smartphone por um preço acessível e que seja bom dê uma chance ao Windows Phone! E tem mais, quando a Nokia entrar com o Lumia no Brasil eu prevejo que os Androids sairão “com o rabo entre as pernas”.

Publicado por

Mobile Analyst

Mobile Analyst

14 comentários em “Windows Phone: o caçador de Androids”