Manifesto pela Tecnologia

Nós aqui virtualmente reunidos, oprimidos pelo paquidérmico estado brasileiro, escravizados por uma burocracia brutal, espoliados por um absurdo sistema tributário lançamos este manifesto em defesa da modernidade.

Tivessem Steve Jobs e Wozniack nascido no Brasil ou se aqui tivessem crescido Bill Gates e Paul Allen, estariam até os dias de hoje tentando desembaraçar seus equipamentos na receita federal, teriam levado meses para abrir suas empresas, lhes seria pedida propina por políticos e a quantidade de reconhecimentos de firmas e recolhimento de guias de tributos lhes roubaria toda a criatividade.

O Brasil é um pais atrasado, lento e inimigo dos empreendedores. O Brasil trata as pessoas honestas como suspeitos e os desonestos como homens de reputação ilibada. O Brasil tolera a mentira, a incompetência e outros vícios. O Brasil necessita de uma mudança de rumo.

Por isso exigimos:

Que o desenvolvimento tecnológico seja estimulado com:

  1.  isenção de impostos de importação para tecnologia que nao existe por aqui.
  2.  que seja simples e fácil comprar bens e tecnologia necessária para seus empreendimentos.
  3.  que haja infra-estrutura decente – conexão 3G estável e rápida. Banda larga com alta velocidade.
  4.  que haja uma carga tributaria justa e simples para as áreas tecnológicas e que o uso do dinheiro do contribuinte seja muito bem cuidado.
  5.  que as relações de trabalho sejam flexibilizadas. Os profissionais de TI nao somos débeis mentais que precisam de tutela do estado.
  6.  queremos agencias reguladoras que controlem o setor de telecom e energia.
  7.  queremos honestidade sem complicação nas compras do governo.
  8.  queremos poder pagar fornecedores no exterior e receber pagamento do exterior sem ser tratados como criminosos.
  9.  que se reforme o funcionalismo publico para que o servidor publico sirva e não seja servido da coisa publica.
  10.  que o estado se enxugue para dar espaço ao empreendedor.
  11. que a Universidade Pública sirva a sociedade e não seja, com raras exceções, um antro de egos e baixa produtividade.
  12. que também que a Universidade Pública estimule o empreendedorismo e faça pesquisa em áreas que interessam ao país.
  13. que se revise a CLT lei trabalhista, ridícula, impeditiva, fruto de uma época do governo integralista de Vargas

Não pedimos, exigimos, porque somos nós os vossos chefes, nós os empossamos como governante e não estamos de forma alguma satisfeitos com vosso trabalho.

Comments on this entry are closed.