Greve nos correios e e-Commerce

Este é um daqueles posts que pode causar uma flamewar. No entanto antes de você sair me xingando tenha em conta os fatos abaixo:

Desde 14 de Setembro os Correios estão em greve. Eu não recebo cartas desde esta data e tenho um monte de encomendas atrasadas.

Uma paciente mandou 4 CD’s pelos Correios, via Sedex, para que analisássemos o caso grave neurológico que ela tem e até agora não recebemos.

Além disso a legislação brasileira prevê monopólio dos Correios em:

  • carta: objeto de correspondência, com ou sem envoltório, sob a forma de comunicação escrita, de natureza administrativa, social, comercial, ou qualquer outra, que contenha informação de interesse específico do destinatário;
  • cartão postal: objeto de correspondência, de material consistente, sem envoltório, contendo mensagem e endereço;
  • correspondência agrupada: reunião, em volume, de objetos da mesma ou de diversas naturezas, quando, pelo menos um deles, for sujeito ao monopólio postal, remetidos a pessoas jurídicas de direito público ou privado e/ou suas agências, filiais ou representantes; e
  • telegrama: mensagem transmitida por sinalização elétrica ou radioelétrica, ou qualquer outra forma equivalente, a ser convertida em comunicação escrita, para entrega ao destinatário.

Some-se a isto o fato de que os funcionários dos Correios tem estabilidade. Só são demitidos por Deus (quando encerra a vida do cidadão).

Agora tenha em conta que o e-Commerce no Brasil deve movimentar 20 Bilhões de Reais em 2011.

Agora pense no coitado que abriu uma empresa que fabrica brindes, por exemplo, e depende dos Correios para entregar seu produto. Quando os vagabundos dos grevistas voltarem ao trabalho o coitado terá perdido muitos negócios e arcará com seu prejuízo. Por estas e outras sou favorável a privatizar tudo neste país: Correios, Petrobras, USP, UFRJ, Banco do Brasil, Caixa Econômica, etc. Ou pelo menos acabar com a estabilidade no serviço público. Do contrário a relação deles com o povo é uma parceria Caracu onde eles entram com a cara …

Comments on this entry are closed.

  • Quandt

    Quer saber, deviam privatizar o país de uma vez…

  • Fabio

    A greve está atrapalhando e complicando a vida de muita gente mas acho que você foi um pouco exagerado e infeliz usando o termo vagabundos. Não podemos tambem generalizar por causa de alguns individuos que muitas vezes são conduzidos por sindicalistas. A vida de carteiro não é fácil e o salário é muito baixo para uma função estressante, cansativa e perigosa. Concordo que a estabilidade deveria ser abolida, pois cada um teria que preservar o seu ganha pão e quem tem…tem medo.

  • coelho

    sabe o pedro e fabio no minimo voces devem ser uns desses politicos corruptos que roubam o povo na calada da noite , o que voce entende de correios? voce so sabe o que e correio por causa da cor amarela e azul ou pelas propagandas que ver na tv , ninguem aqui faz greve porque simplismente tem estabilidade ,fazemos greve porque e um direito adquirido por lei ,pois tratasse da unica forma de confronta o patrao legalmente

  • Fabio

    Essa foi boa, além de defender e expor minha opinião (como o Pedro fez e TAMBEM É UM DIREITO ADQUIRIDO POR LEI), tenho de ler asneira. Rapaz, se tu passou no prova de português com essa gramática, parabens e continue com sua estabilidade, faça um curso de interpretação de texto, outro de português e quem sabe pode até virar um sindicalista, pois papo já tem.

  • Edw

    Concordo com tudo, e mais ainda com o VAGABUNDOS.

  • Rodrigo

    Concordo em partes com o texto. Apesar de discordar 100% com qualquer greve e com o papo furado dos grevistas – leia-se correios, bancos e etc – de que “queremos afetar o governo” sendo que SÓ AFETAM A POPULAÇÃO e nunca o governo discordo de chama-los de vagabundos porque realmente o trabalho deve ser arduo, porém sou do seguinte pensamento “ta achando ruim ganhar 2k pra fazer isso? faça outro concurso…” porque hoje existem muitas e muitas pessoas correndo atras e comendo o pão que o capeta amassou com o rabo pra ganhar 500 reais. Agora concordo com o Fabio quando diz que a estabilidade deveria sumir dos cargos publicos….

  • Eduaro

    “sabe o pedro e fabio no minimo voces devem ser uns desses politicos corruptos que roubam o povo na calada da noite”
    -> Deixa eu ver. Isto me parece acusação de um crime. A menos que tenha alguma prova ou evidencia, CRIME, de fato, é esta fala.

    “o que voce entende de correios?”
    -> É preciso entender para criticar? Eu não entendo de medicia e nem por isto vou tomar calmante para dor cabeça. Eu não preciso entender de Correios para, ao ver a foto acima, saber que foi cometido um crime em uma estatal. Acho que é mais bom senso mesmo.

    “voce so sabe o que e correio por causa da cor amarela e azul ou pelas propagandas que ver na tv”
    -> Que em muitos casos é mais propaganda do PT, do que do Correios. Mais ainda por ter monopólio. Honestamente acho absurdo gastar dinheiro fazendo propaganda se apenas o Correios pode fazer alguma coisa. Acho ainda mais absurdo não dar lucro, considerando NÃO ter concorrência.

    “ninguem aqui faz greve porque simplismente tem estabilidade ,fazemos greve porque e um direito adquirido por lei ,pois tratasse da unica forma de confronta o patrao legalmente”
    -> Ai eu não entendo. O sujeito estuda como louco para passar no concurso (vendo alguns dos erros de escrita, começo a duvidar, mas vá lá). Sabe, de antemão, o salário. No geral, sabe-se as condições de trabalho. Depois que entra começa a reclamar que ganha pouco. Oras, que vá para o mercado privado. Lá você pode ficar em greve até 10 anos que eu (e, creio, a maioria dos cidadãos) não se importará. Mas quando funcionário público, ai a coisa muda de figura.

    Estabilidade E direito a greve, ainda que direitos garantidos, são coisas incompatíveis. Ainda mais no Brasil.

  • Denis Brandl

    “Por estas e outras sou favorável a privatizar tudo neste país: Correios, Petrobras, USP, UFRJ, Banco do Brasil, Caixa Econômica, etc.”, fugindo um pouco do assunto. O problema é que até os bancos privados deste país estão fechados e em greve. Ou seja privatizar não resolve muita coisa.

  • “Este é um dos posts que podem causar flamewar.”

    Numa boa, o José Antônio poderia muito bem mudar o nome do site para “Zeletron do Além”, pq só tem comentarista aqui com poderes mediúnicos! hehehehehehe

  • drbambei

    Não pode haver greve nos correios, nunca. E não existe estabilidade nos correios, eles têm carteira assinada e são submetidos à CLT. Teoricamente podem ser demitidos, já que os correios são uma empresa pública e não um órgão público.
    O governo já deveria ter mandando entregar tudo pelas concorrentes e jogado a conta no colo do sindicato, simples.

  • Em relação a greve existe também além do direito garantido uma normatização que determina que em setores não essenciais seja mantido 25% de operabilidade e em setores essenciais(saúde, educação, comunicações e segurança pública) seja mantido uma operabilidade de 35%. Sou a favor da greve sim, desde que se respeite esses termos, porque como um camarada ali em cima falou é a única maneira legal de confrontar o patrão. Com o governo não existe conversa, trabalho na área da educação no estado do Mato Grosso, tento sim outros concursos(inclusive esse ano já fiz 3, estou aguardando convocação) pra tentar pegar algo melhor. Aqui no MT em 1998 o salário de um professor com faculdade e especialização era equivalente a 18 salários mínimos da época, já hoje o salário que é de 1800 reais(salário bom se tratando de trabalho de 30 horas, mas péssimo quando a gente fala de aguentar os alunos mal educados e algumas vezes criminosos, principalmente em escolas de periferia) não dá nem 4 salários mínimos de hoje!!
    Antes que todos falem que sou vagabundo ou coisas do gênero, isso também é acusação, você não pode generalizar, é a mesma coisa que alguém dizer que essas pessoas que vivem apenas com blogs(blogueiros) são vagabundos, ou que todos eles são obesos(só porque alguns poucos são).
    Retornando ao assunto. Aqui no estado a alguns anos as greves acontecem de forma errada, a parada é sempre total ao invés de ser respeitado os 35% de operabilidade mínima, mas durante 10 anos conseguimos apenas 3% de reajuste anual(valor médio), e não aumento como o governo joga na mídia, e nesse ano houve uma greve no início do ano, quase choramos pra ter 4% de reajuste!!
    Enquanto isso os deputados federais e senadores da República conseguem ao ano 60% de aumento salárial(ou mais) sem nem precisarem lutarem por isso(já que são eles mesmos que aprovam o próprio aumento!). Voltando a educação do MT, a lei determina que 25% da arrecadação estadual e 35% do repasse federal sejam gastos na educação fundamental e média, isso dá 850Milhões de Reais por mês (aqui no MT, em média) para serem gastos, a folha de pagamento dá algo em torno de 180Milhões(considerando aposentadorias, que é a previdência quem paga, mas aqui o dinheiro sai da educação). Os investimentos com a educação(material escolar e didático, reforma, merenda escolar, etc) dá mais 650Milhões mensais de custo. Some tudo e isso dá 730Milhões, faltando 120Milhões para serem gastos ainda! Esse valor daria para dar um aumento de 80% no salário de todos os funcionários da educação do estado que ainda sobrariam uns Milhões para eventuais necessidades, desvios públicos e para mais reformas (o colégio onde trabalho como secretário é de periferia e está a 6 anos brigando por reforma, tenho medo de morrer soterrado a qualquer momento aqui!).
    Outra coisa pela qual brigamos seria por melhores condições de trabalho, aqui na escola o sistema de gerenciamento de informação escolar é todo online, mas a internet é muito lenta e o sistema mais ainda. Só pra se ter uma idéia, na escola temos 20 computadores ao todo(alunos e secretaria) e a internet é de 512kbps apenas. Outro dia uma mãe veio pedir uma declaração de matrícula do filho dela aqui, demorei 40 minutos apenas pra conseguir entrar no sistema, digitar o nome do aluno e imprimir o atestado de matrícula(só sai online, e o governo não permite que emitamos declarações manuais ou feitas no computador sem ser pelo sigescola). Eu creio que meu salário bruto(R$740,00) por 30 horas e até suficiente(considerando que tenho um pai que paga aluguel meu, plano de saúde e ainda manda 200 por mes(tenho 23 anos e faço faculdade e pós-graduação)).
    Na última greve pedimos 12% de aumento e direito a hora atividade(tempo destinado a elaboração de aulas e de atividades) para professores contratados, além de direito ao 13º salário aos contratados(o governo não permite que todas as vagas sejam ocupadas por efetivos!), além de férias e 1/3. A greve terminou pois o governo havia prometido 4% no mês seguinte e mais 4% em setembro, ele deu apenas os primeiros 4%, os de setembro não virão.
    Em relação a importância que não se dá a classe dos professores, apenas um exemplo, qualquer concurso que vc olhar os salários para cada função, os da educação são sempre os menores (Medicina = 3000, Enfermagem = 2000, Motorista do Prefeito = 5000, Secretario de algo = 2000, Professor = 1000, Outros da educação = 600) e vale lembrar aqui que nem aquele cara que é capinador de meio fio(quem corta grama, poda árvores e varre ruas) pode ter menos do que um ensino médio(ou seja, até varredor de rua teve que passar por um professor pra ser um varredor de rua!!!!!).
    Está ai meu protesto, se tratando de trabalho e greve sempre alguém leva prejuízo, só queria que fosse os governantes e legisladores!!!!

  • tbrreal

    Informe-se antes de digitar esse monte de asneiras:
    Art. 9º da CF/88: “É assegurado o direito de greve, competindo aos trabalhadores decidir sobre a oportunidade de exercê-lo e sobre os interesses que devam por meio dele defender.
    § 1º – A lei definirá os serviços ou atividades essenciais e disporá sobre o atendimento das necessidades inadiáveis da comunidade.
    § 2º – Os abusos cometidos sujeitam os responsáveis às penas da lei.”

    A greve tanto não é ilegal que hoje será julgado o dissídio coletivo. Leia também: http://ext02.tst.gov.br/pls/no01/NO_NOTICIASNOVO.Exibe_Noticia?p_cod_area_noticia=ASCS&p_cod_noticia=12984.

    “Some-se a isto o fato de que os funcionários dos Correios tem estabilidade. Só são demitidos por Deus (quando encerra a vida do cidadão).” Outra ignorãncia, segundo o artigo 1º do Decreto lei nº 509: “O Departamento dos Correios e Telégrafos (DCT) fica transformado em empresa pública, vinculada ao Ministério das Comunicações, com a denominação de Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT; nos termos do artigo 5º, item II, do Decreto lei nº.200 (*), de 25 de fevereiro de 1967. Parágrafo único – A ECT terá sede e foro na Capital da República e jurisdição em todo o território nacional.”
    Artigo 5º, inciso II do Decreto-Lei 200: “Emprêsa Pública – a entidade dotada de personalidade jurídica de direito privado, com patrimônio próprio e capital exclusivo da União, criado por lei para a exploração de atividade econômica que o Govêrno seja levado a exercer por fôrça de contingência ou de conveniência administrativa podendo revestir-se de qualquer das formas admitidas em direito.”
    CF/88: “Art. 173. Ressalvados os casos previstos nesta Constituição, a exploração direta de atividade econômica pelo Estado só será permitida quando necessária aos imperativos da segurança nacional ou a relevante interesse coletivo, conforme definidos em lei.
    § 1º – A empresa pública, a sociedade de economia mista e outras entidades que explorem atividade econômica sujeitam-se ao regime jurídico próprio das empresas privadas, inclusive quanto às obrigações trabalhistas e tributárias.
    I – sua função social e formas de fiscalização pelo Estado e pela sociedade; (Incluído pela Emenda Constitucional nº 19, de 1998)
    II – a sujeição ao regime jurídico próprio das empresas privadas, inclusive quanto aos direitos e obrigações civis, comerciais, trabalhistas e tributários;”

    Chama quem trabalha de sol a sol, de baixo de chuva e tudo mais de vagabundo?! Tenha mais respeito com os outros antes de falar merda! Vá um dia a um Centro de Distribuição dos Correios e acompanhe o trabalho de um carteiro para ver o que é trabalhar de verdade! Aposto que não aguentaria um dia de trabalho!
    Procure saber da real importância dos Correios e de outras empresas estatais para o povo brasileiro antes de “vomitar” que tudo deve ser privatizado! Por que não reclama dos bancos? Dos professores? E de várias outras categorias que estão em greve em todo país? Se não tivesse te afetando você estaria pouco se lixando pra essa greve! Informe-se antes de falar merdas. Depois dessa vou é cancelar a assinatura do feed deste site! Que lixo!

  • Lenilson Silva

    @tbrreal faz bem de cancelaar o feed deste site. Tem um feed melhor para você assinar: http://www.pco.org.br/pagina_inicial.php, se bem que não achei RSS lá. Vai ver que RSS é coisa de burguês.

    Pedro Paulo, eu não chamaria de vagabundo quem mama nas tetas do governo e fica sem trabalhar, eu chamaria de parasita. Vai ser macho de fazer greve no Banco Pactual, na Boozallen, na Accenture.

    @tbrreal Tem muito pedreiro que trabalha debaixo de sol e de chuva. Militar que trabalha debaixo de sol e de chuva (e não usa a bermudinha azul). Não venha com este papo marxista dos anos 30. Quero ver alguém ser mandado embora dos Correios.

    Tem que acabar com as empresas públicas. Chega de gente mamando nas tetas do governo enquanto nós trabalhamos como uns camelos para ganhar nosso dinheiro e nem o direito de receber cartas temos mais.

  • Roberto

    Como sempre os petralhas e sindicalóides de plantão ficam todos alvoroçados quando algum cidadão se sente indignado pela moleza com que o governo trata as greves no setor público..
    Em primeiro lugar, greve é direito sim, mas 30 dias sem entrega de correspondência é abuso. Depois de 4-5 dias, já deu pra saber se vão conseguir o que querem ou não, e mesmo assim, nunca é o governo que sai perdendo com a greve, mas o cidadão que paga seus impostos e não recebe o serviço.
    Em segundo lugar, não usem como referência os aumentos de salários dos políticos, pois eles também estão do lado errado. Aumento por dissídio da categoria tem a ver com reposição inflacionária, não com arbitrariedade. A comparação tem que ser feita com os demais TRABALHADORES, e não com deputados que ganham milhões para não fazer nada de útil.
    Sei que os salários do serviço público estão defasados, isso não é novidade. Só que ninguém é obrigado a ser servidor público. Se na iniciativa privada ganha-se mais, porquê não mudam? Deve ser por medo de não ter estabilidade e não ter competência para se garantir no emprego (trabalhando e gerando resultados, evidentemente)…..
    Espero que o TST julgue a greve abusiva (de fato é) e que eles sejam descontados por todos os dias parados. Dizer que tem 40% trabalhando é tirar sarro da cara do cidadão; lá em casa faz 30 dias que não chega nem panfleto.

  • tbrreal

    @Lenilson Silva
    Outro desinformado! Fácil é falar sem ter argumentos! Os dias parados serão descontados! Ninguém vai receber por não trabalhar anarquista! Como prega a jurisprudência do TST, os dias de greve só não são descontados se a greve se der por causa de atraso no pagamento dos salários!
    Procure saber o que os Correios fazem além de entregar carta seu ignorante!
    Exemplos:
    http://www.correios.com.br/bancoPostal/importanciaSocialBancoPostal.cfm
    http://www.correios.com.br/sobreCorreios/publicidadePatrocinio/patrocinio/default.cfm
    http://www.correios.com.br/produtosaz/produto.cfm?id=BCB40724-9D59-B343-AA83B322966794AF
    http://www.correios.com.br/produtosaz/produto.cfm?id=BCEAD750-0960-A73E-86BC8E6CA0BAA93B

  • José Antonio

    @tbrreal, faça o favor de passar na tesouraria do Zeletron para receber o protocolo do reembolso da sua mensalidade por ter cancelado a assinatura do feed. O reembolso vai pelo correio para sua casa. 😀

  • Pedro Paulo

    Eu estava pensando com os meus botões: quem é este TBRReal para defender com tantas ganas o indefensável. Como sou admin do site, chequei o IP e Bingo!!! O cara é dos Correios. E ao que tudo indica da sede em Brasília.

    Puxa, um ilustre membro dos Correios lendo blog em horário de expediente. Poderia entregar as 250 encomendas que tenho presas aí com vocês há um mês?

  • Roberto

    Pedro Paulo,
    pra variar são sempre os que escondem o nome….

  • Lenilson Silva

    Caraca!!! o TBRREAL é funcionário dos Correios? A mamata está boa por aí. Só na Net hein!

  • Pedro Paulo
  • lili

    Um funcionário dos correios, a esta hora passeando pelo BLOG? Que negócio é esse?
    Quero minhas correspondências urgente! Estou sem talão de cheque, alguém resolve isso.
    Zé manda pelo correio tudo para esse cara, o TBRReal

  • lili

    Quanta foto! Será que o salário do correio dá pra comprar uma máquina daquelas? E fazer um monte de viagens legais assim?
    Quando crescer quero trabalhar lá!!

  • Airton Medina

    Pois é, trabalhar debaixo de chuva e sol é ruim, o salário não é muito bom, ninguém aguenta um dia de trabalho, então o que os funcionários estão fazendo lá? A lembrei, é mais fácil reclamar do que se esforçar para ter um emprego melhor, e cursos de tudo que você imaginar e boa qualidade é o que não falta…

  • Pedro Paulo,

    Certamente a greve está durando tempo demais. Eu sou favorável a um estado enxuto, onde o ideal é que só exista agências fiscalizadoras dos interesses do povo e do país e não prestação de serviços, nesta linha concordo contigo sobre a privatização, ou pelo menos, fim do monopólio dos Correios, assim, onde há viabilidade comercial, o mercado privado entraria, onde não há, o Correios continuaria atuando.

    Acho que o erro do seu post, se me permite apontá-lo, foi chamar de vagabundos uma classe por estar revindicando melhores salários. A greve é um direito do povo e em serviços essenciais pode ser executada desde que não pare o serviço.

    Veja bem, acredito que no momento não há ninguém que esteja sendo mais prejudicado do que eu pelas duas greves que estão acontecendo. Eu me caso em 11 dias e a dos Correios atrasou a entrega dos convites do meu Casamento, mas nada muito alarmante, a greve, como não é total, não impediu que os convites chegassem no Rio Grande do Sul, inclusive em algumas cidades pequenas do interior, no Rio de Janeiro, nos EUA e na Suíça.

    A dos Correios não tenho opinião formada se os salários estão baixos ou não, quanto a greve bancária não tenho dúvidas de que é justa, os bancos estão a cada ano batendo recorde de lucro e o serviço só tem piorado, eu vejo na base da pirâmide (nos caixas) pessoas muito mal remuneradas e assoberbadas e no topo da pirâmide (officers) pessoas bem remuneradas interessadas em fechar negócios, de onde vêm o seu PL; e não preocupadas no andamento dos mesmos.

    Para contextualizar, como gerente financeiro nunca fui tão mal atendido pelos bancos como o atual momento, a fusão de Itaú e Unibanco e Santander e Real gerou um caos sistêmico, onde o assunto principal é sistema, este foi tratado como assunto periférico no momento da fusão. A mensagem é clara, quem manda nos bancos está pouco interessado com os clientes e com seus colaboradores, então acho completamente justo que a base da pirâmide faça uso da única ferramenta que fará o topo os ouvir lá de cima, que é a greve. Mesmo assim os serviços continuam funcionando, continuo realizando pagamentos, seja eletrônico, seja através de cheque, pois as agências dos bancos privados só estão fechadas mesmo no Centro, quanto ao pessoal do topo da pirâmide, como eles não trabalham em agência, eles continuam trabalhando normalmente, ontem mesmo tive uma reunião com um grande banco.

    Abs

  • José Antonio

    @Júlio Bastos: O Pedro Paulo não adivinhou mesmo que ia gerar uma flamewar?

    Apareceu até um cara dos correios para discutir. 😀

  • Ricardo B

    Cara, você falou e disse. Tem que privatizar mesmo. E privatizar as Universidades também. O que tem de vagabundo e maconheiro aqui na USP não está escrito.

    Eu estudo de graça, mas toparia pagar para não ser sustentado pelo estado e ver um bando de maconheiros que não estudam nem tomam banho em algumas das faculdades de humanas daqui.

  • Duvido que se tivesse uma empresa concorrente, os correios iam ficar tantos dias em greve… será??? E se tivesse algum parente desses sindicalistas e grevistas precisando de um remédio urgente vindo de outro estado via sedex10??? peço a Deus pra não acontecer isso com eles, mas muita gente já deve ter sofrido com isso esses dias.

    Fiz um post no meu blog tambem sobre isso. http://bit.ly/p6IaDc

  • SuporteCel

    A unica coisa que o Pedro Paulo faz por aqui é gerar flamewar, rs…

    Mas claro, é facil criar uma flamewar. Basta dar uma xingada.
    Coisa de gente sem intelecto, rs

    Bucabala

  • tbrreal

    @Pedro Paulo
    Que mente pequena e sem intelecto, não tem argumentos e vem me atacar? Não tente desviar a atenção das asneiras que você escreveu. Só demonstrei os argumentos fracos que você utilizou. É muito fácil atirar para todos os lados. Nossa, por isso a Nokia fez o que fez contigo! Xingar por aqui é fácil, agora vá lá na assembleia dos carteiros e os chame de vagabundo se for homem! Vá lá reclamar para os “vagabundos” como assim os chamou! E se você acha que numa empresa deste porte só trabalham carteiros, não deveria nem estar escrevendo em um blog desses!
    E já que se dispôs até a procurar a origem deste que está a digitar, use essa sua energia para escolher certo da próxima vez que for votar e estude sobre o assunto antes de digitar “merdas”.
    Se o seu ponto de vista sobre privatização, soberania nacional, interesse público, condições de trabalho, política salarial entre outros assuntos se baseiam apenas num evento no qual suas “encomendazinhas” não chegaram na hora certa, eu não imagino como consiga praticar um trabalho que necessite que seja tão criterioso como o seu!

  • Marcelo Barros

    O fim da estabilidade, com leis comuns para todos já seria um bom avanço, independente de se entrar no mérito de a greve ser ou não legal. Até a CLT serve, apesar de faltar modernidade nela, algo criado num tempo fascista demais.

    Mas, a ingerência do serviço público é um dos grandes problemas. Temos dinheiro suficiente no país, mas não é bem usado. Quem já foi a uma unidade do Poupa Tempo em SP e recebeu um tratamento adequado, condizente com o MONTE de impostos que pagamos, vai me entender. Tinha que ser tudo no nível de um poupa tempo. O povo precisa exigir isso.

    E vamos privatizar sim, principalmente aquilo que o governo vem demonstrando como incapaz de gerir com competência. O governo dos últimos anos tem errado insistentemente em inflar os órgãos públicos.

    No mais, acho que o @tbreal tinha direito ao anonimato covarde dele, digno dos trolls. Busca reversa no IP foi uma carteirada de administrador 🙂

  • tbrreal

    Se alguém for “dirigir a palavra” a minha pessoa, preocupe-se em no mínimo ler todos os comentários e ter argumentos com base antes de digitar besteiras. E já que tudo indica que trabalho nos Correios em Brasília, é só vim fazer uma visita para que possamos ter uma discussão cara a cara, e acabar com o anonimato dos dois lados.

  • tbrreal

    Se alguém for “dirigir a palavra” a minha pessoa, preocupe-se em no mínimo ler todos os comentários e ter argumentos com base antes de digitar besteiras. E já que tudo indica que trabalho nos Correios em Brasília, é só vim fazer uma visita para que possamos ter uma discussão cara a cara, e acabar com o anonimato dos dois lados. Mas procure se informar dos fatos antes de viajar.

  • José Antonio

    @tbrreal acho que você pegou o bonde andando. O assunto da Nokia foi comigo, não com o Pedro Paulo.

    Aliás, o que a Nokia fez comigo não tem nada a ver com o assunto e você também está usando isso para desviar do tema do post que é essa greve absurda dos correios.

  • Lenilson Silva

    @tbrreal escreveu uma grande pérola que prova que nem funcionários dos correios que possuem uma Sony cara como a que vimos acima consegue escrever um português correto: “E já que tudo indica que trabalho nos Correios em Brasília, é só vim fazer uma visita para que possamos ter uma discussão cara a cara”

    Mim Tarzan, You Jane! mim quer teta gorda do governo para mamar

  • Marcelo Barros

    Já que o negócio é desviar do assunto:

    @tbrreal se aquelas fotos são suas, preciso te dar os parabéns ! Excelente trabalho, gostei de verdade. Aquela foto premiada com o N95 é bem legal também.

    Mexe com este negócios de correios não, você tem talento 🙂

  • tbrreal

    @José Antonio
    Beleza, só usei as mesmas armas!

    E não se preocupem, pois o dissídio coletivo será julgado hoje e o movimento paredista será encerrado!

  • Pedro Paulo

    @tbrreal esperamos que se encerre hoje. Faço minha as palavras do Marcelo: bela foto com o N95!

  • lili

    Tenho uma boa idéia pro correio, não façam greve não, entreguem no endereço errado! Iiiiiii bobagem, eles já fazem isso constantemente, que pena!

  • Marcelo

    Oi Pedro,
    Apesar de concordar com seu texto, não concordo em nada com sua atitude de expor o “seu colega” leitor.
    Acabo achando que esse tipo de atitude no final acaba reforçando o tipo de ideologia que ele defende (por interesse próprio ou não) de que entregar assuntos dessa importância a um interesse privado é muito perigoso. Você se sentiu contrariado e seu recurso foi utilizar de meios (que só você tem) de pesquisar sobre a pessoa e, pior, expô-la aqui.
    Sei que ele foi bem ríspido com você, mas você também foi com a categoria dele, então estava 1 x 1. A partir do momento em que ele vem dar uma opinião que contraria a sua, você simplesmente expõe seu leitor para se defender, contra-atacar ou desmerecer a opinião dele, sei lá.
    Enfim, concordo com o texto, mas discordo totalmente da sua ação, que foi bem anti-ética.
    E também acho que o tbrreal deve ser um mala.

  • Pedro Paulo

    @marcelo concordo com você. Nao foi bom fazer o reverse lookup do ip dele.

  • Pedro Paulo

    Acabou a greve! Pelo menos a justiça mandou voltar ao trabalho

  • SuporteCel

    E aí Dr.PedroPauloTrollador? Chegaram suas cartinhas agora?
    Fico pensando: vc indicou ao @tbrreal que mudasse de profissao…
    Mude vc tambem. Afinal, tentou ser neuro-sei-la-o-que e nao deu certo.
    Esta tentando ser blogueiro, e nao esta dando certo, rs…
    Tente ser jurado de calouros do SBT. Lá precisam de comentaristas polemicos, heheh
    A nao ser, claro, que o interesse do @javsmo em te manter aqui seja somente este:
    criar polemicas e flamewars (afinal, isto gera visitas, né?)
    Neste caso, vc esta se superando. Pq conteúdo nao é o que vc esta entregando, rs

    Ah, e sobre ter te chamado de troll, foi porque todo troll sabe que o que vai dizer gerará polemica, mas ainda o faz. Por acaso, nao foi o que voce fez? Prevendo que o que escreveria geraria polemica? kkk
    @AllReaders: reclamam dos trolls por aqui, mas tem um blogando, kkk

    E diante de tantos fatos, e tambem sabendo do grau de parentesco entre vc e o @javsmo, acredito cada vez mais que o motivo dele te manter por aqui é só pela audiencia mesmo, kkkk
    Só o que nao entendo é como uma pessoa se conforma em ser mantido, nao pelo bom serviço, mas pelo DEServiço, rs…

    Boas trolladas por ai, companheiro, rs…

  • Dario

    Vou dar minha contribuição pra flame war: se tem um serviço que não tem razão nenhuma de ser estatizado ou ter monopólio é o de entrega de cartas e encomendas! Tinha que privatizar essa porcaria dessa empresa cabide de emprego PRA ONTEM!!!

    Agora, estranhíssimo o fato de eu nunca mais ter ouvido falar da DHL, UPS ou FedEx aqui no Brasil… Vieram com força pra competir na entrega de encomendas e sumiram de repente! Fico desconfiado se algum deputado comprado não passou alguma legislação inviabilizando a presença dessas empresas no país pra beneficiar compadres da ECT.