Steve Jobs não sabe dirigir?

O grande ponto fraco do IPhone atualmente é navegação. E isso deve-se ao fato de que talvez Steve não saiba dirigir. Não pode haver outra a razão.

Vejamos: a Nokia agonizando, pedindo para o Steve Balmer jogar a tábua de salvação e tem um sistema de navegação muito bom, talvez a única coisa legal dos atuais Symbian. Android todo fragmentado, com a MotoRolo lançando celulares que tem Android 0.8 A.C. e a navegação que o Google provê é boa e gratuita. Os Windows Mobile 6.x da vida, tem suporte a bons navegadores que 11 entre 10 usuários baixa do capitão gancho. Blackberry tem bom navegador. Se bobear até os natimortos WebOS tem navegação.

Já o IPhone, equipado com 10.000 acelerometros, giroscópios e capacitores de fluxo, usa o velho mapa do Google e o máximo que se digna a mostrar e a rota. E saiu da roda, f.., perdeu… Recalcular rota é algo desprezível para Steve.

Aí dirá você: tomou chá de cogumelo? Você sempre puxa, quer dizer bajula a Apple e vem agora criticar. Não sabe que tem TomTom, iGo, etc para IPhone.

A verdade é que os TomTom, iGo, Navigon, etc da vida para IPhone são “mais ruins” que bater na mãe por causa de comida, explico-me: custam 49.99 Obamas, não tem trial, só tem mapa do Brasil, muita gente reclama que está desatualizado, suporte é um terror, e por aí vai.

Solução para isso é a Apple tomar vergonha na cara e lançar um sistema nativo de Navegação para o IPhone. Ou darem uma certeira de motorista para o Steve …

Quatro anos de blog!

No domingo passado completamos quatro anos de blog. Tenho estado tão atolado de trabalho que nem escrevi um post sobre o assunto. Mas não vamos deixar a data passar em branco como no ano passado.

O blog começou como NokiaBR e, depois, por causa da própria Nokia, precisou mudar de nome e de endereço. Daí surgiu o Zeletron.

Lá se foram 1.211 posts, quase 8.000 comentários e muitos amigos que fiz por causa desse espaço que venho dedicando um pouquinho de tempo para manter desde fevereiro de 2007.

Primeiro só eu escrevia por aqui, depois apareceu o Pedro Paulo, o Marcelo Barros, o João Bernardo e, por último, o polêmico Mobile Analyst (pessoal, o cara é homem. O avatar dele é que é aquela menina da lupa, não me pergunte porque). A ajuda deles tem sido essencial para esses quatro anos de blog. Agradeço profundamente a cada um deles pelo tempo que eles dedicam ao Zeletron e pelo empenho em manter o blog atualizado.

Agradeço também a todos os leitores e amigos que vêm com frequência ler o que escrevemos aqui e também colaborar com comentários, sugestões e críticas.

Os trolls também não faltaram, mas o que seria de um blog se não tivesse seus trolls de estimação? São eles que agitam os comentários e geram assunto até para outros posts. Que eles continuem aparecendo. Só não alimente os trolls!

A todos vocês, o meu mais sincero agradecimento. Vamos em frente!

Lançamentos da HTC na MWC 2011

A HTC lançou no Mobile World Congress 2011 em Barcelona um tablet e mais 5 aparelhos novos (encabeçados pelos sociais HTC Cha Cha e HTC Salsa).

Vejam abaixo:

HTC Flyer

O Flyer é o primeiro tablet da HTC e reflete a linguagem de design, marca registrada da empresa, combinada com a nova experiência HTC Sense, que foi repensada para esse dispositivo.

Possui tela de sete polegadas, processador de 1,5 GHz e recursos sem fio HSPA+ de alta velocidade e é muito leve. Para Peter Chou, CEO da HTC: “Estamos avançando por um caminho como indústria, no qual as pessoas não terão um único paradigma de equipamento, mas usarão vários dispositivos sem fio para diferentes necessidades.”

O HTC Sense com foco nos tablets, presente no HTC Flyer, apresenta linda tela inicial 3D. Um exclusivo carrossel de widgets coloca o conteúdo e as informações do usuário mais importantes no centro da experiência visual. O tablet HTC Flyer também oferece navegação Web com Flash 10 e HTML 5.

Continuar lendo Lançamentos da HTC na MWC 2011

Usando seu iPhone 4 (e outros celulares) no exterior

Muitas dicas desse post servem para qualquer celular. 😉

Recentemente tive que ir a trabalho para Madrid, na Espanha, e levei comigo meu fiel escudeiro iPhone 4 (quem diria que um dia eu escreveria isso?).

Como o iPhone 4 usa um micro SIM Card, que nem sempre é fácil de encontrar, fui preparado com um cortador de SIM Card comprado no Deal Extreme por 8 dólares. (esse aí da foto)

Parece um grampeador, mas é um cortador de SIM Card

Antes de viajar para qualquer lugar do planeta, é muito bom verificar o Wiki de Internet pré paga, no endereço abaixo, para ver qual é a operadora mais barata no lugar que você vai visitar.

http://prepaid-wireless-internet-access.wetpaint.com/

Em qualquer lugar do mundo, as pessoas acham que o iPhone é um celular especial, e, portanto, precisa de planos especiais. Na Espanha, por exemplo, numa das lojas que eu entrei, o sujeito se recusou a me vender um chip pré-pago porque disse que nenhum deles funcionaria com o iPhone, mesmo cortando, já que ele precisaria de uma configuração “especial” para funcionar.

Obviamente isso não era verdade. Entrei na loja do lado e o sujeito não só me vendeu o chip, como fez a tal configuração, ou seja, não fez nada. Bastou colocar o chip no celular para aparecerem as barrinhas de sinal e eu poder falar.

Para usar a Internet ele disse que bastava nomear a rede como “Internet”. Duvido muito que não funcionasse se eu tirasse esse nome e colocasse “Zeletron”, mas deixei que ele fizesse isso.

Em alguns países, principalmente naqueles onde o idioma é doido (como foi meu caso em Praga), é melhor comprar o chip pré pago no aeroporto, onde você terá mais chances de falar em inglês com o vendedor. Teste tudo que puder na frente dele para não receber um SMS em Tcheco, perguntando: “Díky za nákup SIM karta od Vodafone. Nyní jste 245000 kc na vás úcet. Chcete aktivovat kartu?”

Na Itália, os caras são hiper burocráticos e não são todas as operadoras que vendem um SIM Card para um estrangeiro. Além disso, todas as operadoras demoram 1 dia para ativar o cartão e várias horas para ativarem os planos. Com isso, se você for ficar pouco tempo, não vai valer a pena comprar um cartão pré pago por lá.

Outra coisa muito importante! Para evitar surpresas na hora de receber a conta pós viagem, não se esqueça de desligar o serviço de dados antes de entrar no avião e desativar o roaming de dados. Você pode até usar o seu celular para mandar e receber SMS ou até receber uma chamada de emergência com o chip brasileiro, mas se não desativar a internet e o roaming de dados, pode ter uma surpresa muito desagradável. O Megabyte trafegado no exterior pode custar a bagatela de R$ 30,00!! Mesmo que você tenha um plano de dados aqui no Brasil ele não conta no exterior. Fique de olho nisso.

Por último, isso vale para qualquer celular, ligue para sua operadora antes de viajar e peça para liberar o roaming internacional. É muito útil ter uma opção de usar o próprio celular no exterior quando não se consegue comprar um chip no país visitado. Já tive o dissabor de chegar em outro país e a TIM não habilitar meu roaming internacional.

Ah, já ia me esquecendo. Antes do avião fechar as portas, coloque seu celular no modo avião para poder ligá-lo posteriormente durante o vôo. Algumas aeromoças não te deixam usar nem em modo avião, o que é uma estupidez, mas se você for discreto, poderá usar como se fosse um iPod Touch. Uma dica é colocar o fone de ouvido sempre que estiver usando, mesmo que esteja lendo um livro no iBooks. 😉

Reflexões em águas gélidas

Passados alguns dias do pulo na água gelada, com muita reclamação, choramingos e uma baita desvalorização das ações da Nokia, é hora de assumir que não se tinha muita alternativa e o “cavalo de troia” Elop parece ter razão. Confesso que é duro pra mim admitir isso, apesar de ter concordado, antes, que era a saída mais provável.
Enquanto o pessoal nada no meio dos icebergs, valem algumas reflexões:

  • O Android realmente não daria nenhum diferencial para a Nokia. O Android é uma extensão da nuvem Google. Veja o esforço que outros fabricantes fazem para personalizá-lo, como Samsung e HTC. Duvido que queiram aquela entrada tradicional, com o sistema lhe obrigando a fazer uma conta no Gmail para uso do aparelho. Ninguém quer ser mais um.
  • A Microsoft lançou mas não decolou. Apesar de ter quatro fabricantes de Windows Phone, o bichinho é mais raro que enterro de anão. Talvez nas terras do tio Sam existam mais exemplares desta espécie rara mas, abaixo dos trópicos e provavelmente na Europa, a coisa não ia bem. LG e Samsung tinham os seus modelos mas basta ver o tanto de Android que ambas lançaram para entender o foco delas. Li por aí que foram aparelhos subsidiados, o que explica muita coisa. Talvez a Dell e HTC, parceiras mais antigas dos sistemas de Redmond, tenham um compromisso mais forte.
  • O Windows Phone tem aspectos inovadores, apesar de só copiar e colar recentemente (piada isso, não?). Bom, o iPhone também começou assim, não é ? Xbox, Office, Exchange, Bing e tudo que a Microsoft tem para oferecer em nuvem fortalecem a arquitetura. E sem contar o desenvolvimento via o tradicional Visual Studio. Não tenho dúvida que aprenderam alguma coisa com as versões anteriores do Windows Mobile <= 6. Aprenderam tanto que até mudaram o nome e reescreveram o sistema.
  • O Meego não está pronto, vamos admitir. Alguns mensageiros do apocalipse e descendentes do capitão Nascimento talvez digam “nunca estará, nunca estará”. Bom, recomendo comparar o WeTab, com Meego, e os protótipos de Tabs Android Honeycomb. Tirem suas próprias conclusões, vai ser fácil. Nem vou colocar o iPad na briga que, enquanto possa ter um conteúdo melhor, não me parece ainda páreo para o Honeycomb. Pelo menos na versão atual, vamos ver quando lançarem o próximo. O que não importa muito, a Apple tem o seu mercado, conquistado com mérito.
  • A participação da Nokia no mercado americano é mínima, e isto eu pude ver de perto, nas ruas e lojas. Em todas as reuniões que fiz nos EUA vi um Nokia apenas uma vez (um E62). Estava na mão de um cara da Cisco que depois descobri que era Francês. Fácil, né ?
  • O Symbian … Ah, deixa pra lá.

Dito isso, não é difícil entender o senhor Elop. Mas que algumas coisas doem, ah isto doem:

  • Já ouviram a expressão “sociedade pé-na-bunda”, onde um entra com o pé e o outro com a outra parte (perdão pelo palavrão) ? Esta foi a minha impressão: a Microsoft entrou com o pé. Li por aí que ela investirá bilhões, etc, etc. Mas, usar toda a rede de distribuição da Nokia, contatos com operadoras, influências em vários mercados, knowhow em hardware e software, serviços de mapas da Navteq, entre outras coisas, “de grátis inteiramente na faixa”, foi foda duro. Nem exclusividade no sistema ela vai ter.
  • Enquanto muitos clamam que o Qt não morrerá, que continuará com o Meego, que será a forma de desenvolvimento para o Symbian, etc, etc, etc, é duro acreditar que umas das plataformas mais interessantes de desenvolvimento que já conheci pode ser colocada em segundo plano. Juntamente com o QtQuick (QML), formam um par poderoso. Mas, se o negócio andar bem com a Microsoft, o futuro do Qt é incerto. Não duvido que vendam ou criem uma outra (a)fundação. Seria ruim perder esta alternativa.
  • O enfraquecimento da comunidade Meego também é traumático, independente do que a Intel ou Nokia diga. Com o apoio da Linux Foundation, o Meego é (era?) um dos maiores bastiões open source do mundo.
  • O orgulho europeu saiu muito ferido disso tudo. Basta ver as reações e o preço das ações da Nokia.
  • Os desenvolvedores também tomaram uma pancada dura, uma parcela grande deles é apaixonada pelo Qt. Provavelmente muitos perderão o emprego.

Enfim, bola pra frente. Sem falar que, para os consumidores, foi excelente.

Celulares e erros de continuidade em Tropa de Elite 2

Tropa de Elite 2 bateu todos os recordes de público do cinema nacional, e apesar de não ser tão bom como o primeiro pois o Padilha se rendeu à patrulha ideológica está muito bem feito.

Mas nosso assunto aqui não é sociologia e sim tecnologia e portanto gostaria de chamar a atenção para o fato de que celulares e outros aparelhos tecnológicos apresentam um grande desafio para a continuidade e realismo dos filmes. Quando saiu o Tropa de Elite um mostramos como ele tinha um erro de anacronismo ao colocar um celular CDMA em 1997.

Agora no Tropa de Elite 2, aproveitando que já está nas locadoras, gostaria de lançar um desafio aos leitores do Zeletron: há muitos erros de continuidade no Tropa 2 (abaixo mostro um) e vários deles estão ligados a trocas de celulares ou não prestar atenção a modelos. Quem identificar erros assim pode colocar nos comentários.

Exemplo de erro básico de continuidade.

Soldado branco e com cabelo raspado vira soldado negro e com cabelo não raspado.

Alguns celulares no filme


Glu Games tungando o dinheiro do pessoal

Calma pessoal que é dinheiro virtual. Mas mesmo assim doi.

No dia 10/02 a Glu Games que faz o famoso jogo WSOP (World Series of Poker) para IPhone, Android, Blackberry, Symbian e Windows Mobile lançou um update que afetou o bolso (virtual) de milhares de jogadores.

O bug é brutal e não se entende como não foi visto no controle de qualidade (será que eles tem isso?) o fato é que agora há muitos usuários furiosos pois perderam milhões ou bilhões acumulados em muitas horas jogando o famoso Texas Hold’Em do WSOP.

Como se não fosse pouco perder o dinheiro (virtual), perderam também os achievements e todo o histórico de torneios que ganharam.

A Glu Games (que até ações na bolsa tem: GLUU) ainda não se manifestou a respeito, e isto não é nada bom para a credibilidade dela junto aos gamers.

Vamos aguardar as cenas dos próximos capítulos.

Ainda sobre a parceria Microsoft e Nokia

Talvez hoje seja um dia duro para os fans da Nokia como o dia 05-01-2010 foi para o @javsmo, no entanto da mesma forma que o @javsmo fez do limão uma limonada boa (@zeletron e mais um projeto que sei mas não posso falar), desenvolvedores Nokia vão perceber ao longo do mês que ganharam muito mais que perderam.

Eu conheci em 2001, por conta de um evento da empresa em que trabalhava, o Steve Balmer. A minha impressão foi bem positiva, alguns amigos que trabalham na Microsoft diziam que Bill Gates era importante, mas Steve Balmer é a alma da empresa.

Além disso, por mais paradoxal que pareça, o principal cliente da Microsoft não é o end-user, mas sim o desenvolvedor. Ele dá vida a empresa e a Apple percebeu isto. Portanto Steve Jobs, vamos sair deste hospital porque senão tio Balmer vai tratorar você!

A nova estratégia da Nokia

Acaba de  ser publicada oficialmente a nova estratégia da Nokia. Como era o nosso palpite muitos meses atrás (deu polêmica no dia, mas os editores concordaram que era uma saída), a parceria é com a Microsoft. Você pode ler o pronunciamento inteiro aqui.

Em linhas gerais:

• a Nokia irá adotar o Windows Phone como estratégia primária para seus smartphones, adicionando o seu know how em áreas que é líder.
• fazendo o que sabe bem, irá trabalhar num leque maior de hardware,  canais de distribuição, usar seus contatos com operadoras, influência em vários mercados, etc, para colocar o Windows phone em todo lugar.
• vão desenvolver juntas, alinhando estratégias na área de mobilidade.
• as ferramentas de desenvolvimento serão da Microsoft. O serviço de busca, bing. Mapas virão do Nokia maps, anúncios da Microsoft via adCenter.  Serviços de nuvem da Microsoft, além de office e email. Xbox?  Certamente.

Enfim, vão pegar o que as duas tem de melhor para fazer frente ao Google e Apple. E, pelo visto, o fim da Nokia livre que conhecemos hoje, com Linux, Symbian e Qt.

Nada foi citado dos telefones mais simples. Nada se falou de Qt. Nem uma menção ao Meego. Devemos ter mais informações no decorrer do dia.

Óbvio, compreensível e … decepcionante.

UPDATE:

Mais detalhes aqui. Pelo comunicado, o Meego continua, será a plataforma de exploração de novas experiências para a próxima geração. O Symbian irá virar uma franchise. A empresa se dividirá em duas unidades de negócio: Smart Devices e Mobile Phones.

Nokia: apertem os cintos, o piloto sumiu.

Um dos assuntos mais comentados hoje na blogsfera é um memorando interno do presidente da Nokia Stephan Elop que vazou no Engadget e várias fontes confiaveis confirmam como real. O memorando é feito de trinitrotolueno e o rapaz acendeu o pavio.

Você pode ler na íntegra aqui: http://www.engadget.com/2011/02/08/nokia-ceo-stephen-elop-rallies-troops-in-brutally-honest-burnin/

Aqui no Zeletron faço apenas um comentário. O comentário é um dos maiores atos de autoimolação já vistos no mundo corporativo. Ele basicamente diz que:

O primeiro iPhone foi vendido em 2007, e nós ainda não temos um produto que esteja perto de sua experiência de uso. O Android entrou em cena um pouco mais de dois anos atrás,e esta semana eles tiraram a nossa posição de lideres em volume de smartphones. Inacreditável.

Achou ruim? Tem mais: “Estamos tomando um calor de nossos competidores, mais rapidamente do que esperávamos. A Apple mudou o mercado, redefinindo o que é um smartphone e atraiu desenvolvedores para um ecossistema fechado, mas muito poderoso. Eles mudaram o jogo, e hoje, a Apple detém o mercado de celulares high-end.

Calma que fica pior: “Nós jogamos gasolina na nossa plataforma que já estava em chamas…. Cometemos um monte de erros e agora estamos em chamas

Nas nuvens

Menos de um mês atrás eu comentava sobre os serviços oferecidos nos smartphones atuais pelos grandes fabricantes. Vendo hoje o vídeo da apresentação oficial do Android Honeycomb, ficou claro que o seu smartphone Android vai ser mesmo uma extensão da rede, sua entrada na “nuvem”. Bom, primeiro assista o vídeo. Ele é de quase uma hora e em inglês. Se tiver dificuldades em acompanhar, recomendo ligar as legendas. Para isto, clique em CC, em vermelho no vídeo, na parte de baixo. Depois selecione o idioma como português. Não é tão bom quanto o original em inglês mas ajuda bastante para quem não consegue entender no idioma nativo.

Praticamente metade do tempo é gasto apresentando a nova interface. Novo Gmail, carrossel 3D, novo Maps, cópias do facetime, nova interface de foto e vídeo, novo chat, “task manager”, aplicações que podem rodar em smartphone e tablet, etc. Nem vou comentar sobre isso, veja e gere a sua opinião se é melhor ou pior que o iPad (é o que acabam fazendo, uma guerra que não vou financiar aqui).

Depois, parceiros e funcionários do Google são chamados para apresentar novas funcionalidades e aplicativos que as exploram. A aplicação da CNN é bem interessante, virando um “youtube das notícias”, além do conteúdo “live” de TV. A CNN também criou uma forma fácil de você ser o novo repórter chamada de “iReport”, subindo vídeos e imagens diretamente do tablet. Nada como usar o poder coletivo para se dar bem, não ? Fabricantes de jogos também aparecem, mostrando as novidades e a velocidade da nova engine 3D.

No entanto, o que chamou realmente a minha atenção foi a nova loja de aplicativos. Eles mataram o sincronismo tradicional, simplesmente. Nada de cabos, nada de USB, tudo pela rede. Você compra na loja e .. tchan ! Aparece um download no seu aparelho. E, claro, eles já sabem sobre tudo que você colocou nos seus aparelhos Android. Perguntas sobre segurança são pertinentes, mas não tenho nenhum dado mais técnico ainda.

Agora, aumente isto um pouco mais. Provavelmente vocês já escutaram sobre a futura loja de música do Google. Quer apostar que vai ser apenas um comprar e .. tchan! Aparece no seu smartphone ? E o melhor, com tudo salvo também na nuvem, para você usar de qualquer coisa que logue na sua conta do Google, seja do Android telefone, Android tablet, PC, Android som do carro, etc. Não tenho dúvidas que vários serviços virão.

Eu estou com medo.

Mimimi GPL2 do Remi Denis-Courmont causa racha no VLC

Não sei se você está lembrado do post sobre o mimimi do francescinho que trabalha num fabricante de celular perto do mar báltico, o fato é que o mimimi dele com relação a Apple criou um racha no grupo do VLC.

A empresa Applidium que recebeu autorização e ajuda do grupo do VLC postou uma mensagem em seu blog que vai abaixo na minha tradução do francês:

Para nossa surpresa, recebemos um e-mail na sexta-feira da Apple: “Nós lamentamos que vocês não tenham podido solucionar amigavelmente as controvérsias a respeito de sua aplicação VLC Media Player. Tivemos que retirar seu aplicativo da App Store. Para saber o motivo disto, entre em contato com RémiDenis-Courmont diretamente.”
Esta carta foi uma sequencia a esta: “Em 20 de outubro de 2010, recebemos uma notificação de Rémi Denis-Courmont que acredita que sua aplicação VLCMedia Player viola a sua propriedade intelectual. Em concreto, Rémi Denis-Courmont acredita que você está violando seus direitos autorais “.
A denúncia por Rémi Denis-Courmont nos surpreendeu, já que ele recebeu o acordo de associação para implementar o VLC no IOS.  Inclusive alguns membros da associação VideoLan, também ajudaram neste port.
Não é necessário dizer que nós acreditamos que a licença da AppStore não é incompatível com a licença GPLv2 do VLC. Assim, juntamente com o pessoal da VideoLAN,nós faremos o possível para garantir que este não é o fim do VLC para IOS.
Em conclusão, nós achamos uma vergonha que se impeçam milhões de usuários de usufruir de um aplicativo de código aberto … em nome do software “livre”.

Estou consciente de que o post anterior gerou uma mini flamewar com direito a troll GPL e tudo. No entanto estou cada vez mais convencido que contribuir com um projeto GPL é jogar fora seu trabalho, deixar que ele seja controlado por algum dos discípulos do Stallman com idéias cretinas sobre a liberdade.

Ainda repercurssão do Boliche Medieval e agradecimentos

Desculpem voltar ao tema do Boliche Medieval, é que estou impressionado com a repercussão da blogsfera a respeito. Vou listar abaixo em forma de agradecimento, algumas matérias que saíram a respeito do jogo.

Outra coisa que vou procurar atender é o pedido de algumas pessoas que querem dicas de como passar de determinado nível. Vamos ver se fazemos um canal no Youtube para que os usuários possam ajudar uns aos outros na árdua tarefa de derrubar pinos. Pelo que vi há gente desesperada para passar do nível 11, outros do 44.

Pelo GameCenter vemos que alguns usuários já terminaram os níveis e estão lutando pela liderança no jogo: o atual lider chama-se SpiderLF com uma boa vantagem sobre o segundo colocado.

O link consolidado:

Notícias Sobre Boliche Medieval

Muito obrigado: Rodrigo Toledo, NPossibilidades, IDGNow, Macworld, InfoExame, BandNews, BlogIpad, GSMBrasil e muitos outros que ainda não consegui ler.