Que preços são esses?

O João Bernardo me mandou um e-mail com esses 3 screenshots dos preços do N900, N97 e do N97 mini na loja da Nokia dos Estados Unidos.

Vou colocar os screenshots em ordem decrescente de valor. Repetindo para os mais desatentos, do mais caro para o mais barato, hein?!

N97 Mini
N97 Mini
N900
N900
N97
N97

Está em dúvida? Veja com seus próprios olhos no site da Nokia USA.

Gostaria de entender o porquê desses valores lá nos EUA. (Lembrando que nos EUA os celulares não têm Comes with Music)

23 comentários sobre “Que preços são esses?”

  1. Tu jah imaginastes se isso pega aqui no Brasil. Provavelmente o site da Nokia Brasil sairia do ar soh de numeros de acessos. Todos os modelos Top de linha ficariam em pre-venda.

  2. Acho que a Nokia não tem muito critério para dar preços aos celulares. E não é só nos EUA.

  3. Dá pra perceber que os preços dos outros caíram e o do Mini deve cair em breve, mas, enquanto isso, vamos zoar mesmo!! 😀

  4. Poise….aqui no Brasil temos que comprar pelo dobro do preço e mais um pouquinho. O meu N97 comprei nos EUA mais ou menos pelo preço que ta na imagem.

  5. é por isso que a nokia não vende nada la..

    la nenhum aparelho nokia é vinculado com operadora, e americano gosta de vinculos..

    haha

  6. Senhores, creio que a Nokia Americana esteja praticando dumping (aquele negócio de vender abaixo do preço pra fazer freguesia) nos EUA ou praticando superfaturamento aqui no Brasil, uma vez perguntei nesse fórum se era a Nokia que agia de má fé e recebi como resposta que eram os altos impostos praticados no Brasil. Entretanto vc compra em terras tupiniquins celulares de 8MP de uma concorrente com wi-fi e GPS por pouco mais de 1.000,00 (um mil reais) e a Nokia só vende algo em torno de 3.2MP após os 900,00 (novecentos reais).

  7. @Fernando “Eagle”, se for assim, manda prender o pessoal da Apple, pois um macbook de $1000 nos EUA não sai por menos de R$7000 aqui no Brasil.
    E aí nem adianta falar de imposto.

    Aliás, também tem que levar em conta o resto do aparelho. Não só de câmera, wi-fi e GPS é feito um celular. Se você está falando de smartphones, não vejo um Windows Mobile ou um iPhone por menos de R$2000. Isso mesmo pros mais simpleszinhos

  8. É verdade JB, é a mais pura verdade, vai entender? Quem é que explica isso? algum analista de mercado econômico internacional pela FGV? ou só Freud? Sei não o que eu sei é que se procede dessa forma. Como diria o Chicó de “O Auto da Compadecida” (vivido pelo Selton Melo): “Num sei, só sei que foi assim”.

  9. Ou o pessoal do EUA já se deu conta que N97’s e N900 não passam de protótipos para avaliação de mercado para os VERDADEIROS celulares que estão por vir (da Nokia mesmo)…

  10. Eu não vejo grandes problemas nos preços, a menos o fato de serem altos quando comparados com um iphone. A nokia precisa fazer os planos pós também, nos EUA.

    – O N97 mini é lançamento, o preço não tem desconto.
    – O N97 está com um belo desconto e o preço é 699, algo perto do valor de lançamento dele.
    – O N900 tem preço original de 649, sem descontos. E está perto dos valores praticados quando outros tablets foram lançados.

  11. @JB vc pode pagar 2799 como estudante ou professor, num mac book. Muito bom o preço, considerando o custo brasil (minúsculo mesmo). O @javsmo ficou de me mostrar alternativas melhores pelo mesmo preço, com hardware, mecânica e tecnologia similar. Estou esperando 😀
    Gostaria de comprar um, formatar e colocar ubuntu 😀

  12. Eu comprei ontem pela Amazon, um N900 por $ 549,00… agora a demora vai ser para entregar…

  13. Olá amigos, tudo beleza???
    Então, parece que finalmente o N900 está em estoque “de verdade” no mundo…
    Jobson como vc fez pra comprar pela Amazon??? Tem conhecido lá fora???? e pegou um otimo preço pois hj ele está sendo vendido por 649,99 dolares….
    Tentei entrar no site da Nokia dos EUA mas tá dando erro, não sei se é problema aqui comigo ou tem muita gente correndo atras do aparelho…
    Marcelo vc já foi para o Texas????

  14. @ Tiranorex Isso mesmo, meu camarada. Tem um tio que mora lá e vai enviar pra mim…mas já estou meio preocupado com as taxas…..tem como “amenizar” as taxas???

  15. eu comprei o meu n97 por 1100 reais, olhe que meu plano e o claro 80, um dos menores. fiquei feliz com o preço. 🙂

  16. @Marcelo Barros Já tem um tempinho, entrei numa Saraiva (ou era FNAC?) e vi aqueles Macbooks unibody de alumínio por R$6999. Talvez seja possível encontrar preços muito melhores, mas foi um exemplo.

    Acho que um Vostro 1320 dá pra ser configurado com as mesmas características do Macbook e ainda conta com a vantagem do suporte técnico, algo que 11 entre 10 usuários de Mac reclamam. Claro que não vai ser tão bonito, não vai ter uma maçã acesa nem o carregador com imã que explode, mas vai funcionar direitinho e deve ser mais barato.

  17. Galera, ontem a noite eu vi o vendedor de onde eu comprei meu 5800 anunciando que já tem o N900, só que tá muito caro, como eu disse lá no twitter e no meu blog, ele tá pedindo R$ 2.400,00… fora da realidade.
    Pra quem quiser ver é só ir no tecnorex e conferir.

  18. @TIRANOREX
    mais barato do que um blackberry storm nas lojas..

    HAHAHHA

  19. Ai é que está. Não quero falar de comparação disso e daquilo. Mas como convencer o americano a troca um iPhone a 99 dolares para comprar um celular de 550?

    Lá a maioria dos planos é pos e eles não ligam de estar vinculados por um ano.

    Alias eu tbm não ligo. Acho que é uma troca justa do tipo
    “ei, operadora. Prometo ficar um ano com vocês e vocês me dão um aparelho bacana ok?”

    Mesmo sem vinculo, quem tem plano pós não fica trocando como quem troca de meias.

  20. @JB Mais barato tem muita coisa por aí, sem dúvida. E passo longe de fan de mac. Nem gosto daquele branco. Mas se vc levar em consideração peso, tamanho, tecnologia construtiva, tela, placa gráfica, vai ver que o vostro anda comendo uma certa poeira. Pagaria mais pelo mac e colocaria ubuntu. Ou compraria um Dell melhor (xps ou latitude), cujos preços passam o do mac básico.

Os comentários estão fechados.