Viagens – Use o celular e economize

Muita gente não leva o celular para viagens internacionais por causa do medo de pagar uma conta gigantesca de chamadas recebidas por engano, torpedos enviados, dados trafegados sem querer, etc.

Eu mesmo já penei com esse tipo de problema. Uma vez minha esposa recebeu uma conta onde cada torpedo custava a bagatela de R$ 500,00 (obviamente estava errado) porque a Claro não tarifou de forma correta os SMS que ela enviou do exterior. Foi um sufoco para resolver.

Outra vez pagamos uns 17 ou 18 reais por usar um pouco o MSN no 3G imaginando que estávamos usando a rede WiFi da Starbucks de Praga. A TIM Brasil adorou esse engano.

Por último, o cúmulo foi ter pago uma grana para receber uma chamada de um cliente no meio de um passeio na Baía de Lapataia em Ushuaia, na Argentina.

Coisas como essas passaram a ser evitadas com uma simples medida. Agora, a cada viagem internacional, eu compro um SIM Card pré-pago no país de destino e economizo horrores com chamadas telefônicas e internet 3G.

As vantagens são enormes, já que os parentes podem me telefonar usando o Skype ou outro VoIP qualquer, eu não recebo chamadas de clientes ou atendentes de telemarketing, posso usar os pacotes de internet 3G locais dos países que estou visitando, posso telefonar localmente muito mais barato (para chamar um táxi ou chamar a emergência do seguro de saúde, por exemplo).

Para descobrir as melhores tarifas de internet 3G ou EDGE em viagens existe um Wiki onde os viajantes podem deixar suas experiências de uso de internet pré-paga no celular. O edereço é http://prepaid-wireless-internet-access.wetpaint.com/

Outra dica interessante para os viajantes é assinar o feed ou visitar com frequência o blog do Eduardo Akira chamado “Viajando na Maionese Móvel“. Ele tem ótimos posts com dicas para você usar seu celular em viagens.

Agora, se você quer mesmo usar seu celular de uma operadora brasileira numa viagem internacional, pagando os horrores de roaming, não se esqueça de ligar para a sua operadora para solicitar o desbloqueio internacional do seu celular.

Por último, verifique se o seu aparelho é compatível com as frequências do país que você irá visitar. Alguns lugares não têm as mesmas frequências das operadoras brasileiras e aí, seu celular poderá ficar sem uso mesmo com um SIM Card local, caso não seja compatível com a rede do local.

Alguém aí tem mais alguma experiência com o uso de celulares em viagens internacionais? Conte-nos nos comentários.

Comments on this entry are closed.

  • Anonymous

    Oi!

    Obrigado pela dica com o cupom de desconto do Quiz, funcionou e já encomendei meu smartphone! =D

    Quanto ao roaming internacional, tive uma boa experiência quando estive na Argentina e no Uruguai, em abril. Tenho um plano pós da Vivo. Habilitei o Roaming só pra receber meus SMS no exterior.

    Pra enviar minhas mensagens pagando relativamente pouco, levei um Claro Pré-pago. Cada mensagem sai por aproximadamente R$0,80, já que exsite Claro nos dois países. Pode haver problema para habilitar o roaming internacional na operadora, pq o atendimento é aquela coisa. E é possível recarregar com cartão pelo site.

    Para fazer chamadas para o Brasil a dica, na Argentina, é usar os "kioscos", pequenas lojas de doces e bebidas, com cabinas.

    Valeu!
    Abs!

  • Eduardo Akira

    Obrigado pela propaganda…
    Já está seguindo o twitter da CET-RJ? Acabei de fazer um post basiquinho sobre o serviço que vai ao ar amanhã.
    abs

  • José Antonio Oliveira

    Você usa o Twitter, Eduardo?

    Se puder, me siga que eu te sigo lá (http://twitter.com/javsmo