Post secreto: Não contem para a Nokia, mas o Blackberry Storm é show!

Vocês bem sabem que eu sou um hiper-ultra-mega-giga-tera fã dos aparelhos da Nokia. O próprio sub-título desse blog já fala por si mesmo. Isso não me impede de visitar as lojas de celulares para ver aparelhos de outras marcas, certo? Certo.

Ontem estava passeando no Rio Sul e entrei na mega loja da TIM que existe nesse shopping. Essa loja tem várias bancadas com muitos aparelhos, uma bancada para cada fabricante de celular.

A primeira da loja, logo na entrada, tem todos os Nokia que a TIM oferece aos seus clientes, na qual eu fiquei bastante tempo mexendo no 6600 fold. Gostei muito desse aparelho. Seria o substituto fácil do meu 6555, só que muito mais bonito. O cara que desenhou esse celular estava inspirado mesmo.

Passei direto pela bancada da Motorola e parei um tempo na bancada da HTC. Preciso mencionar aqui que gostei muito do design do HTC Touch Diamond. Só acho uma pena ele gastar aquele design e hardware todo com um Windows Mobile por dentro. Fico imaginando aquele design e telão rodando Symbian S60 5th Edition.

Dei uma olhada rápida nos LG e Samsung e já estava indo embora quando reparei, na saída da loja, o Blackberry Storm.

De longe não achei o aparelho assim muito bonito e quase nem ia olhar de perto, mas fui. Quando peguei o aparelho, fiquei impressionado com a qualidade dos materiais e o quanto ele fica bem na palma da mão.

Outra coisa que me chamou a atenção nesse aparelho foi a maneira que eles usaram para dar feedback para o usuário que a tela foi clicada. A tela desse aparelho é como se fosse um grande botão (muito grande!), ela desce um pouco quando você aperta um ponto. Além disso, ela não desce como um todo, ela tem um molejo embaixo que faz descer só o lado ou a quina que você apertou.

Isso, junto com um leve click, faz a utilização da tela sensívela ao toque uma experiência completamente diferente e agradável. O sistema em si do Blackberry não me agradou nem um pouco, mas a construção do aparelho é espetacular.

Não sei qual é a durabilidade desse molejo da tela nem se isso é sensível demais para mãos trogloditas como as minhas, mas gostei muito dessa idéia. Muito melhor do que a sensação de falta de feedback que eu tive quando usei o iPhone por um tempo. O mesmo acontece com os aparelhos da HTC, falta um feedback.

Bom, enquanto não me mandam o 5800 XpressMusic para testar, isso é tudo o que eu posso dizer de telefones com tela sensível ao toque. Até agora o campeão é o Blackberry Storm.

Em julho estarei de novo em Londres e vou poder dar uma bisbilhotada na Nokia Store de lá. Espero ver até um N97 ao vivo. Quem sabe? Vamos aguardar.

5 comentários sobre “Post secreto: Não contem para a Nokia, mas o Blackberry Storm é show!”

  1. @milton_toshiba: Faça o teste de pegar o aparelho numa loja da TIM (Aí em SP deve ter em mais lojas do que aqui). Depois me diga se não concorda com o que eu disse sobre ele.

    Um abraço!

  2. Teremos novidades do N97 em breve, diretamente das terras Britânicas, boa viagem José, mande saudações a rainha.

  3. É um aparelho interessante, porém não possue acesso Wifi, e isto é uma grande desvantagem para os aparelhos da Nokia, pois os “top” de linha, sempre aceitam este tipo de conexão.

Os comentários estão fechados.